De 10 para 10: Douglas chama D’Ale de “grande jogador” e revela bonito gesto do argentino

Douglas
Foto: Ricardo Duarte/Inter

Ainda inativo por conta de uma nova lesão no joelho, o meia gremista Douglas deixou a rivalidade de lado e fez muitos elogios a D’Alessandro, camisa 10 do Inter. Em entrevista concedida ao quadro Saia de Redação, da GaúchaZH, nesta quina-feira, o jogador do Grêmio não apenas valorizou a qualidade do colorado como ainda revelou um bonito gesto protagonizado pelo argentino.

Sem um grande histórico de lesões ao longo da carreira, Douglas sofreu um duro golpe ainda em fevereiro. Em um treino, levou a pior numa dividida com o jovem Tilica e rompeu os ligamentos do joelho esquerdo. D’Ale, que já havia voltado ao Inter depois de um ano emprestado ao River Plate, fez questão de enviar uma mensagem de apoio ao jogador rival.


“O D’Alessandro é um grande jogador. Um cara que tem personalidade forte e eu gosto de pessoas assim. Por mais que todo mundo ache que a gente não se dá bem, a gente se dá bem para caramba. Quando eu me machuquei pela primeira vez no início do ano, ele me enviou mensagem me dando força”, revelou Douglas.

Prestes a voltar ao time, sendo que seria inscrito na semifinal da Libertadores, Douglas voltou a entristecer a torcida gremista com a mesma lesão no joelho que estava em recuperação. Ele já passou por nova cirurgia, mas só volta a atuar durante a temporada de 2018. Ele admitiu que pensou em parar de jogar:

“Várias vezes (passou pela minha cabeça aposentar). Principalmente nesse momento de agora. Você não sabe se vai voltar 100%, principalmente depois da segunda lesão. Quando soube da notícia passou muita coisa na cabeça”, disse.

Na atual temporada, o maestro disputou apenas dois jogos, ambos pelo Gauchão. Já D’Ale, elogiado por Douglas, não teve nenhuma lesão significativa em 2017 e lidera o Inter na busca pelo retorno à Série A.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Colorados invadem rede social do Lanús e dão dicas antes da final: “Estudem o Grêmio”

Acesso do Inter à Série A pode passar pelas mãos de um velho conhecido da torcida



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Fã de esportes, sobretudo tênis. Colorado por paixão, jornalista por vocação e tenista por opção.