O mais novo super time: veja o novo Oklahoma City Thunder desta temporada

Foto: Reprodução/Facebook Oficial Oklahoma City Thunder

A NBA está de volta, o início da temporada regular do melhor basquete do mundo começa nesta terça-feira (17). E neste ano, teremos muitos destaques. Equipes reforçadas, com medalhões juntos, e um equilíbrio bem forte na Conferência Oeste. Uma dessas equipes, o Oklahoma City Thunder, se reforçou e será um dos candidatos ao título da NBA.

No ano passado, foram 47 vitórias e 35 derrotas para o Oklahoma City Thunder. A equipe chegou à pós-temporada, mas não apresentou gás para vencer o Houston Rockets, com James Harden e com o ótimo jogo do perímetro, além da força dos suplentes o time de Westbrook foi facilmente derrotado por 4 a 1 no confronto.

De uma equipe frágil, liderada pelo MVP da temporada Russell Westbrook, a uma equipe reforçada e candidata ao título. Principalmente com a chegada dos all-star, Paul George e Camelo Anthony.

OFFSEASON E PRÉ-TEMPORADA 

Agora, o time do atual MVP, tem força para enfrentar seus adversários. Trocou Victor Oladipo e Domantas Sabonis, por Paul George. Trouxe também Patrick Patterson do Toronto Raptors, Raymond Felton dos Mavericks, draftou Terrence Ferguson e trocou Doug McDermott, Enes Kanter e uma pick de segunda rodada do draft de 2018 pelo tri-campeão olímpico, Carmelo Anthony. Além disso, o OKC dispensou os armadores Semaj Christon e Canaan. E agora possui 14 jogadores com contratos garantidos.

Durante a pré-temporada, os novos jogadores tiveram um bom desempenho. Além disso, o técnico Billy Donavan que está em Oklahoma desde 2015/2016, tentou inovar e testou uma formação small-ball. Formação sem nenhum pivô de ofício, Carmelo fez essa função de pivô. Com essa nova tática, o Oklahoma City Thunder ganhou força no perímetro, e pode ser uma das armas para a equipe chegar a NBA Finals. Algo que não acontece desde a primeira final da franquia, em 2012.

Além de todas as aquisições, a franquia estendeu o contrato com o armador Russell Westbrook. O vínculo foi de cinco anos e 205 milhões de dólares. Mas, como o atleta já havia contrato com o Thunder para a temporada 2017/2018, o valor total do contrato chegará à casa dos 235 milhões de dólares, por seis anos. O camisa 0 terá agora o maior vínculo da história da NBA.

A temporada para o Thunder terá início na quinta-feira (19) contra o New York Knicks em NY. No sábado (21) a equipe enfrenta o Utah Jazz em casa, com transmissão dos canais ESPN. O jogo será às 23hrs pelo horário de Brasília.

LEIA MAIS:

TRADIÇÃO COM REFORMULAÇÃO: CONFIRA O “NOVO” BOSTON CELTICS PARA A PRÓXIMA TEMPORADA DA NBA.

NBA: CONFIRA QUAIS JOGOS DA TEMPORADA 2017/2018 SERÃO TRANSMITIDOS PELA ESPN.