Demian cita Spider e GSP como os maiores do MMA, mas diz: “O doping do Anderson borrou a carreira dele”

Reprodução/Twitter Oficial Demian Maia

Lutador brasileiro com o maior números de vitórias no UFC, Demian Maia relembrou a luta que fez com Anderson Silva em 2010 pelo cinturão peso-médio do Ultimate e apontou o Spider como o maior lutador de todos os tempos, junto de Georges St. Pierre (GSP).

“Acho que ele (Anderson Silva) e o Georges St. Pierre são os maiores de todos os tempos. Até pouco tempo atrás eu considerava o Anderson, talvez o caso de doping tenha ‘borrado’ um pouco a carreira dele, mas acho que ele e o St. Pierre são os maiores de todos os tempos”, disse.

Sobre um possível revanche com o Spider, Maia disse que não tem esse objetivo. “Não penso nisso agora. Sei que seria interessante fazer uma revanche contra um cara que eu perdi, mas agora eu quero ir bem na minha próxima luta e continuar minha caminhada e quem sabe disputar o cinturão novamente”.

Em julho deste ano Demian teve a oportunidade de lutar pelo cinturão dos meio-médios no UFC, mas acabou derrotado pelo americano Tyron Woodley. O brasileiro analisou a luta e disse que foi um confronto muito equilibrado.

“A derrota para o Tyron não foi uma derrota contundente. Foi uma luta equilibrada. Eu não coloquei ele em perigo e ele também não me colocou em perigo em nenhum momento. Agora eu preciso me preparar e chegar bem para a minha próxima luta, contra o Colby Covingt, e depois é questão de correr atrás do cinturão”, comentou.

LEIA MAIS:
MINOTAURO COMPARA FASE DO BRASIL NO UFC AO FUTEBOL: “ÉRAMOS A SELEÇÃO DE 70, AGORA SOMOS A DE 82”
CRIS CYBORG RESPONDE A TREINADOR DE RONDA E QUER LUTA NO WWE