Torcedores.com Vozes da Marca

F1: Mercedes renova contrato de Valtteri Bottas

Advertisement
Großer Preis von Italien 2017, Sonntag - Wolfgang Wilhelm

A Mercedes confirmou na manhã desta quarta-feira (13) a renovação do contrato de Valtteri Bottas para a temporada 2018 da Fórmula 1. O finlandês chegou neste ano ao time da estrela de três pontas, e em 13 corridas, conquistou duas vitórias e duas pole positions, além de ter um desempenho que o coloca na terceira colocação do Campeonato Mundial.

A renovação era dada como certa por Niki Lauda algumas semanas atrás, e acontece às vésperas do início das atividades para o Grande Prêmio de Singapura, 15ª etapa da temporada 2017 do principal campeonato do automobilismo mundial, uma vez que os treinos no circuito de Marina Bay serão abertos na sexta-feira (15).

“Estou honrado e orgulhoso em continuar trabalhando com a equipe em 2018 e seguir como uma parte da família Mercedes. Juntos, vamos continuar a ficar mais fortes dia após dia, continuando com o trabalho duro, acredito que o céu é o limite”, disse Bottas. “Desde que cheguei ao time, em janeiro, aproveitei todos os dias de trabalho com eles”, seguiu.

“Como piloto, consegui aprender e crescer muito, e já curtimos alguns momentos muito bons nesta temporada, algo que nunca vou esquecer. Trabalhar com Lewis também tem sido algo muito bom e estou curtindo o respeito que temos. E assim vamos continuar, levando esta equipe até o topo”, comentou o finlandês.

“Quando a equipe me contratou para a temporada de 2017, eles deram um voto de confiança em minhas habilidades. O novo contrato para 2018 mostra que eu conquistei essa confiança. Estou feliz por celebrar minhas primeiras vitórias com a Mercedes, mas sempre há espaço para melhorar, e ainda não apresentei todo o meu potencial”, completou.

Toto Wolff também comemorou a renovação de contrato com Bottas, e ressaltou a rápida adaptação ao finlandês ao time que comandou a Fórmula 1 nas últimas temporadas. O dono do carro número 77 chegou ao time após Nico Rosberg anunciar sua aposentadoria das pistas, dias após o final do campeonato de 2016.

“Demos a Valtteri um grande desafio: se juntar à equipe aos 45 do segundo tempo, chegando ao pelotão da frente na F1 e tendo como companheiro de equipe um dos melhores do esporte. Com isso em mente, seus resultados se mostram ainda mais impressionantes. Ele teve mais altos do que baixos e alguns grandes momentos, como suas vitórias na Rússia e na Áustria”, disse Wolff.

“Para nosso time, um fator extra é o respeito e espírito esportivo que foi visto entre nossos pilotos. A química e a dinâmica entre Valtteri e Lewis funciona e é o que precisamos para vencer o título frente aos nossos adversários”, completou.

Foto: Mercedes

O AUTOLINE é um classificado de compra e venda de automóveis, com mais de 150 mil ofertas de veículos seminovos, novos e usados, totalmente gratuito para o anunciante. Acesse e conheça: www.autoline.com.br


Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.