Os números de bilheteria do 1º turno do Campeonato Brasileiro Série A 2017

Foto: Marcos Ribolli

O primeiro turno do campeonato Brasileiro Série A chegou ao fim e o Corinthians é o clube a ser batido dentro do campo. Mas qual é o cenário nas bilheterias?


LEIA MAIS:
Opinião – O público nos estádios brasileiros nos últimos anos
O público nos estádios brasileiros nos últimos cinco anos – Balanço Geral
Um balanço da média de público na Europa – 2016/2017
A bilheteria das 10 primeiras rodadas do Brasileiro

Depois de 19 rodadas, já é possível apontar as equipes que mais se destacaram em campo, e também imaginar quem brigará pelo título, pela Libertadores e contra o rebaixamento. Mas e nas arquibancadas, os torcedores tem feito sua parte e comparecido aos jogos? Veremos agora.

Até agora foram jogadas 190 partidas e apenas uma não consta nesta análise, a partida entre Vasco x Santos que teve portões fechados.

O primeiro turno do Campeonato Brasileiro Série A 2017 vendeu mais de 3 milhões de ingressos, possui uma média de 16.014 torcedores por jogo e foram arrecadados mais de 108 milhões de reais, com um ticket médio de R$ 35,97 por ingresso.

Se comparar os números do 1º turno deste ano com o mesmo período da temporada passada, houve um aumento de mais de 300 mil ingressos vendidos, mais 1.687 torcedores por jogo e cerca de 8 milhões a mais de arrecadação. O único item com queda foi o valor do ingresso, que ficou cerca de setenta centavos mais barato.

Entre as equipes, o Corinthians leva o bom momento dentro do campo para as arquibancadas e é líder de 3 dos 4 itens analisados. A equipe possui o maior número de ingressos vendidos, a maior média de público e a maior arrecadação, tudo isso sem ter o ingresso mais caro. Esse posto fica com o rival Palmeiras.

Se o torcedor corintiano fez bonito nas arquibancadas, não se pode dizer o mesmo do torcedor pontepretano. O clube tem números baixos e ocupa a última colocação em todos os itens.

Em comparação com a temporada passada, Fluminense e Botafogo são as equipes que tiveram a maior evolução nos quesitos venda de ingresso e média de público. Em compensação, Flamengo e Cruzeiro tiveram uma queda interessante neste mesmo período.

O maior salto de arrecadação, comparando as temporadas 2016 e 2017, foi do Coxa. A equipe aumentou sua renda bruta em cerca de 169% e aumentou 82% o preço do ingresso. Por maior que tenha sido o aumento do preço do ingresso, o clube teve um aumento de 48% na média de público.

O torcedor botafoguense viu o preço do ingresso cair 25%, mesmo assim o clube teve um aumento de 69% na arrecadação.

Daqui a pouco começa o 2º turno do campeonato e em breve voltamos com mais números.

Até a próxima!



Profissional de marketing esportivo que conhece, vive e ama o futebol.