Bizarro! Kaká é expulso por brincar com ex-companheiro de Orlando; assista

Foto: Reprodução/Twitter MLS

O meia Kaká passou por um momento inusitado na noite do último sábado em jogo válido pela MLS. Nos acréscimos da derrota de virada do Orlando City para o New York Red Bull (3 a 1), fora de casa, o brasileiro foi expulso por uma brincadeira com o ex-companheiro de time Collin.

Antes de levar o vermelho, os jogadores dos dois times batiam boca após confusão dentro de campo. Kaká então resolveu brincar com Collin colocando a mão na boca dele. Ambos deram muita risada. Após o auxílio eletrônico, chamado VAR, o árbitro interpretou o fato como agressão e expulsou o meio-campista. Os dois atletas argumentaram que tudo não passou de brincadeira, mas o homem do apito não voltou atrás na decisão. Assista:

Antes do vermelho, Kaká ajudou o seu time a abrir o placar após dar assistência para o gol de Rivas. Contudo, todo esforço foi em vão, pois o New York Red Bull conseguiu o empate – gol contra do brasileiro Léo Pereira, e em seguida a virada, com Wright-Philips e Davis ainda no primeiro tempo.

Com o revés, o Orlando City chegou ao quinto jogo seguido sem vencer na MLS e permaneceu na sétima colocação da Conferência Leste, com 30 pontos ganhos.



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)