Finalistas do playoff de acesso na Espanha, Getafe e Tenerife já ‘decidiram’ promoção em 2004

Getafe
Crédito da foto: Arquivo/Divulgação/La Liga

Getafe e Tenerife se encontrarão na final dos playoffs de acesso para a Primeira Divisão do Campeonato Espanhol a partir de quarta-feira (21), em duelos de ida e volta. Quem vencer, será o último a carimbar passaporte para a elite do país, e se juntará a Levante e Girona como ascendentes da Segundona.

Os adversários voltam a se encontrar em uma partida decisiva após 13 anos. Na última rodada da temporada 2003/04, o Azulón brigava por um lugar em La Liga, enquanto os Chicharreros apenas cumpriam tabela, mas queriam evitar o sucesso do rival da região de Madri.

VEJA MAIS
TENERIFE E GETAFE DECIDEM ÚLTIMA VAGA EM LA LIGA 2017/18

Por isso, o jogo teve ingredientes especiais no Estádio Heliodoro López, em Tenerife, e acabou sendo um dos melhores jogos da Segunda Divisão. oito gols marcados em 90 minutos e final feliz para o Getafe, que fez história ao conseguir a vaga inédita para o grupo principal da Espanha graças a Sergio Pachón, um dos maiores ídolos azulões.

O jogador estava endiabrado e balançou as redes cinco vezes na partida. No início, o camisa 17 fez o Azulón abrir 3 a 0 fora de casa em apenas 32 minutos. Um baita resultado e que carimbava a promoção naquele momento. Mas Koke, de pênalti, diminuiu para 3 a 1 aos 37 e colocava “pimenta” no confronto.

Na volta para o segundo tempo, Hidalgo marcou logo aos quatro minutos o segundo do Tenerife e transformava o duelo de pimenta para fogo. Mas lembra do Pachón? Pois é, ele mais uma vez ligou o motorzinho e, depois de dividida com o goleiro adversário, anotou seu quarto gol: 4 a 2. Aos 28, driblou o arqueiro e tudo, virou passeio: 5 a 2.

Aos 36 minutos, talvez o tento mais lindo do jogo, o que valeu o ingresso para quem foi ao Heliodoro López. Mas o autor foi da equipe chicharrera: La Paglia, de falta, encobrindo o goleiro do Getafe. Placar de 5 a 3 que entrou na memória dos torcedores azulões e que transformou Pachón em Deus no Coliseum Alfonso Pérez.

Após esse acesso, o Azulón passou 12 anos ininterruptos na Primeira Divisão do Campeonato Espanhol, mas acabou rebaixado na temporada passada, buscando o retorno imediato. Já os Chicharreros foram subir somente em 2008/09, porém fizeram o famoso “bate e volta” e caíram novamente à Liga Adelante em 2009/10, tentando desde então voltar à elite. Nesse meio, ainda chegaram a despencar à Segunda B (Terceira Divisão).

Na internet é possível ver aos gols desse memorável duelo e também a partida na íntegra (com narração em espanhol, do Canal +). Se você tiver um tempinho sobrando, vale assistir a esse Tenerife 3 x 5 Getafe, porque foi um “jogaço” que merece ser visto inteiro.

Gols

Jogo na íntegra



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.