Evair revela tristeza por não ter jogo de despedida no Palmeiras

Palmeiras
Foto: Fábio Menotti / Palmeiras / Divulgação

Um dos maiores ídolos da história do Palmeiras, o ex-atacante Evair participou de uma noite de autógrafos com torcedores do clube em uma unidade da Academia Store (loja licenciada do clube) e revelou tristeza por não fazer um jogo de despedida com a camisa do alviverde.

Em contato exclusivo com a reportagem do Torcedores.com, Evair revelou que havia um projeto para essa homenagem e inclusive, com data marcada: “Já tive esse sonho. Isso já esteve programado, tinha data e tudo mais, mas não foi feito e a gente foi deixando para lá. Quem sabe um dia (acontece esse jogo).”

LEIA MAIS:
“O MELHOR TIME QUE JOGUEI FOI O PALMEIRAS DE 1996”, AFIRMA MULLER
RÓGER GUEDES JOGARIA NO PALMEIRAS DOS ANOS 70, AFIRMA ADEMIR DA GUIA
QUAL ÍDOLO DO PALMEIRAS VOCÊ SERIA? FAÇA O TESTE!

“Fiquei bastante chateado em uma época porque tinha acertado até a data e eu já estava falando disso. Pediram para eu falar sobre o assunto, e acabou não acontecendo. Ficou marcado, mas depois a gente esqueceu e isso faz parte do nosso dia a dia”, completou o ex-atacante palmeirense.

Evair jogou 245 partidas e marcou 127 gols em duas passagens no alviverde. Com a camisa palmeirense, o “Matador” ganhou dois Campeonatos Paulista (1993 e 1994), um Torneio Rio-São Paulo (1993), dois Campeonatos Brasileiro (1993 e 1994) e uma Copa Libertadores da América (1999).



Estudante de jornalismo da Universidade Metodista de São Paulo e estagiário do Torcedores.com.