Xandão revela como estão as conversas para fechar com Vasco

Crédito da foto: Divulgação/Krusban Krasnodar

O zagueiro Xandão, concedeu uma entrevista para o Lance.com.br e nela ele comentou sobre como anda a sua negociação com o Vasco.

O jogador afirmou que até o momento só teve um contato do Vasco com os seus empresários e ainda não há nada definido. Xandão está sem clube desde que rescindiu contrato com o Anzhi, da Rússia, em março deste ano.

LEIA MAIS:
VEJA O QUE MUDOU NO VASCO DO BRASILEIRÃO 2016 PARA 2017
GILBERTO TREINA NORMALMENTE E ESTÁ APTO PARA A ESTREIA DO VASCO NO CAMPEONATO BRASILEIRO

Após atuar durante 5 anos no exterior, o atleta afirmou que se senti muito feliz pelo interesse do clube carioca e vê com bons olhos um retorno ao Brasil.

“Não (foi apresentado nenhum projeto ainda), apenas um primeiro contato com os meus representantes. Fico muito feliz e orgulhoso em ver meu nome vinculado a grandes clubes do futebol brasileiro, como o Vasco, mas ainda não tem nada definido. Meus representantes, Renato Figueiredo e Marcio Rivellino, estão cuidado das negociações e estou tranquilo. Joguei cinco temporadas na Europa e seria ótimo retornar ao Brasil para disputar a Série A”, disse o defensor.

Xandão revelou que ainda não procurou o Luis Fabiano para conversar sobre, porém, se as negociações evoluírem ele vai ligar para falar com o atleta.

“Do Vasco eu conheço o Luis Fabiano. Tive a honra de jogar com ele no São Paulo, em 2011, mas ainda não falei nada com ele, até porque não tem nada oficial, apenas um contato. Se as conversas evoluírem, entrarei em contato com o Luis porque é uma pessoa que eu tenho muito respeito e tenho certeza de que irá me ajudar se eu precisar”.

De acordo com o Lance, o primeiro contato do Vasco com os empresários de Xandão foi de Anderson Barros, gerente de futebol do clube e nos próximos dias, o Cruz-Maltino irá voltar com as negociações para ter o jogador.

Vale lembrar que o zagueiro passou pelo São Paulo entre 2010 e 2012. Depois, ele foi para a Europa, onde atuou pelo Sporting (POR), Kuban e Anzhi, da Rússia.