Tchê Tchê não pensa que caiu de rendimento no Palmeiras

Palmeiras
César Greco / Ag. Palmeiras

O desempenho do Palmeiras nos primeiros meses do ano foi muito questionado por grande parte da torcida e da imprensa. O time não rendia como do último Campeonato Brasileiro e no final Eduardo Baptista acabou demitido.

Um dos principais jogadores da campanha do enea, o voltante Tchê Tchê teve seu estilo de jogo alterado com a mudança de treinador. Mas mesmo com uma função diferente, o camisa 8 não acredita que seu rendimento tenha caído:

LEIA MAIS: Tchê Tchê diz qual o estilo que prefere entre Baptista e Cuca

Não concordo (que caí de rendimento). Se eu caí o Palmeiras também caiu. Se ganhar, todo mundo ganha. Se perder, todo mundo perde. Se pegar os números, eu só fiquei de fora dos jogos que me machuquei. Fiz gols, ajudei a equipe. Então não acho que caí de rendimento.”

Mesmo não concordando com as críticas, Tchê Tchê procura não se incomodar com os comentários que fazem a respeito de seu futebol. O jogador procura deixar de lado e entende que isso é do futebol:

Naturalidade. Quem sabe o quanto trabalho são meus companheiros. Não me incomoda o que as pessoas falam, estou ciente. É a profissão que escolhi.”

Apesar de pensar que não caiu de rendimento, ainda na coletiva, Tchê Tchê afirmou que vê diferenças no estilo de Cuca comandar a equipe em relação a Eduardo Baptista e não deixou de afirmar que prefere o estilo do novo comandante, campeão com o Palestra no ano passado: “Eu vinha em uma função que não me sentia a vontade, A maneira que eu prefiro é a que o Cuca joga.”

Tchê Tchê e o Palmeiras voltam a treinar nesta sexta-feira. Neste treino, Cuca deverá começar a definir o time titular do Palestra, que entrará em campo contra o Vasco no domingo, pela primeira rodada do Brasileirão 2016.



Jornalista formado pela FIAM FAAM. Apaixonado por futebol independente do país ou divisão. Setorista do Inter e esportes olímpicos. Contato: mohamed.nassif12@hotmail.com