Vicintin cutuca Perrella, revela cobrança interna e comenta sobre Everton Ribeiro

Bruno Vicintin reunião interna
Foto: Washington Alves/Light Press)
A sexta-feira na Toca da Raposa foi agitada. Depois da inesperada eliminação para o Nacional, do Paraguai, pela Copa Sul-Americana, o sinal de alerta foi ligado no Cruzeiro. Diante disto, a diretoria mineira se viu na obrigação de reunir o elenco cruzeirense e comissão técnica para uma conversa interna.

O vice de futebol do clube Bruno Vicintin, o diretor Klauss Camara e o gerente Tinga, estiveram na sala de imprensa para dar explicações sobre os resultados negativos da equipe.

LEIA MAIS:

VICE DO CRUZEIRO CONFIRMA INTERESSE EM ATACANTE RAFAEL MARQUES, DO PALMEIRAS
VAMPETA APONTA FAVORITOS AO BRASILEIRÃO E ELEGE “CAVALO PARAGUAIO”

A gente conversou lá dentro. A diretoria pensa que, apesar da perda do Mineiro ter sido muito dolorosa, são jogos, jogamos quatro clássicos, ganhamos dois, empatamos um e perdemos o que não podia. São coisas do futebol. A eliminação no Paraguai a gente não esperava. A gente acreditava que poderia ter ido muito melhor na Sul-Americana. Estamos no Brasileiro, na Copa do Brasil, na Primeira Liga, fomos eliminados na Sul-Americana e no Mineiro. Liga a luz amarela, mas estamos confiantes de que faremos um bom jogo contra o São Paulo. Confiamos que temos um bom elenco e uma ótima comissão técnica“, declarou o dirigente.

Colocamos a palavra aberta no que a diretoria poderia ajudar e no que achamos que tem que melhorar. Confiamos que o Cruzeiro vai voltar ao futebol que apresentou no início do ano. Claro que contusões atrapalharam, foi uma eliminação inesperada. Mas estava na hora de a diretoria aparecer, mostrar a cara. A gente acha que montou ótimo grupo, ótima comissão. E esperamos grandes resultados no ano“, completou.

COBRANÇA SOBRE MANO

Nas redes sociais, torcedores cruzeirenses tem criticado bastante o trabalho de Mano Menezes. A maneira como a equipe vem atuando e as alterações realizadas durante as partidas tem sido motivo de protesto.

Mano Menezes é cobrado todo dia que levanta da cama, não só por dirigir o Cruzeiro, como pelo currículo. Ele se cobra bastante e também cobramos. Todos têm noção de que perdemos a final para o rival, que poderia ter ido para qualquer dos lados. Na Sul-Americana, foi muito mais inesperada. Tenho certeza, todos esperam mais e vão apresentar mais”, afirmou.

EVERTON RIBEIRO LONGE

O nome do ex-meia Celeste tem sido novamente cogitado em equipes do Brasil. Sobre uma possível volta a Belo Horizonte, Vicintin é pessimista.

Como disse, as portas do Cruzeiro estão abertas pro Everton Ribeiro. Conversamos com a família. Temos dificuldade para falar com empresário do Everton, mas parece que o empresário não tem infelizmente o interesse na volta dele ao Cruzeiro. Negociação muito difícil pelos valores que vêm se falando“.

CRÍTICAS A PERRELLA

Após o revés no Estadual, o ex-presidente do Cruzeiro, Zezé Perrela, publicou na internet um vídeo o qual disse que era preciso mudanças dentro do clube e que voltaria justamente para recolocar o time no caminho dos títulos.

Acho que o Cruzeiro precisa de união e de os cruzeirenses abraçarem o clube sempre. Fica chato quando o time perde, aparece, faz videozinho, isso incomoda muito a diretoria do clube. Vivemos num pais livre, todos fazem o que quiser.  Alem de força política, o Cruzeiro precisa de união. Quando todos uniram, conseguimos fazer a  torcida ver a final. A divisão é muito ruim pra o clube. Mas, infelizmente, está difícil de solucionar isso“, finaliza Vicintin.