Madrid x Madrid: como assim? Semifinais da Champions League!

Real Madrid's defender Sergio Ramos (L) and Real Madrid's French defender Raphael Varane (R) vies with Atletico Madrid's forward Fernando Torres during the Spanish league football match Real Madrid CF vs Club Atletico de Madrid at the Santiago Bernabeu stadium in Madrid on February 27, 2016. / AFP / CURTO DE LA TORRE (Photo credit should read CURTO DE LA TORRE/AFP/Getty Images)

Amanhã, Real e Atlético fazem o dérbi de Madri no Santiago Bernabéu, a partir das 15h45 de Brasília. No dia seguinte e no mesmo horário, o Mônaco recebe a Juventus, em Fontvieille.

 

Real Madrid favorito contra o Atlético de Madrid

Campeão europeu em 11 oportunidades e finalista em 14, os números apontam o Real Madrid como provável finalista novamente. Historicamente, os Merengues obtiveram muito mais sucesso que os Colchoneros nas principais competições. Além do título continental que falta ao Atleti, os alvos foram proclamados campeões espanhóis em 32 temporadas, contra dez de seus rivais. Na Copa do Rei, o placar está em 19 a 10. Para impactar ainda mais o favoritismo de CR7 e companhia, só uma agremiação foi capaz de bater os tricolores nas três últimas Champions League. Não se trata nem de Barcelona, nem de Bayern de Munique. Este feito também cabe ao Real Madrid, campeão em 2013/14 e em 2015/16 em cima de seu rival municipal. Em 2014/15, tirou o Atlético nas quartas de final.

Na campanha desta temporada, os comandados de Zinedine Zidane ficaram em segundo lugar na chave com Borussia Dortmund, Legia Varsóvia e Sporting. Nas oitavas de final, passaram pelo Napoli e nas quartas desclassificaram o Bayern de Munique.

Já o Atlético terminou o quadrangular em primeiro, deixando Bayern de Munique, Rostov e PSV para trás. Depois, superou Bayer Leverkusen e Leicester City.

Nesta temporada, o clássico madrilenho já ocorreu duas vezes pela La Liga. No Vicente Calderón, o Real impôs um 3 a 0 acachapante. No Santiago Bernabéu, eles empataram em um gol.

Neste fim de semana, os dois quadros entraram em campo com suas forças máximas pela primeira divisão. O Real Madrid derrotou o Valencia na capital por 2 a 1 e segue firme na briga pelo título. O Atlético de Madrid goleou o Las Palmas fora de seus domínios por 5 a 0 e segue firme na luta por uma vaga na fase de grupos da próxima Champions League.

Quem ganhará o jogo de ida? As estatísticas do Oddsshark.com/br apontam os mandantes como favoritos: R$ 1,83 para um, contra R$ 3,75 do empate e R$ 4,00 dos visitantes. Os de camisa branca também são apontados para disputar a final: R$ 1,57, contra R$ 2,37 dos de camisa listrada branca e vermelha.

Há um extenso cardápio de opções para se divertir e ganhar dinheiro com esta peleja. Com ataques fortes compostos por Cristiano Ronaldo, Benzema, Griezmann e Fernando Torres, é bem possível que muitos tentos sejam anotados. Caso assistamos mais do que 2,5, paga-se R$ 2,00. O prêmio para menos do que isso é de R$ 1,80.

Se o Real Madrid fechar o primeiro tempo com vantagem mas perder o duelo, será incrível. A recompensa neste caso será de R$ 410 para cada dez, segundo as casas de apostas esportivas.

 

Em Mônaco, é a Juventus que deve prevalecer

Esta eliminatória promete ser tão eletrizante quanto a outra. Trata-se do choque entre o futuro campeão da Ligue 1, contra o futuro vencedor da Série A. Pelo menos, a tendência é essa. Na sexta-feira, a Juventus arrancou um ponto da Atalanta, em Bérgamo. No sábado, o Mônaco derrotou o Toulouse por 3 a 1 no Principado.

O Mônaco começou sua campanha na terceira fase, duas antes da etapa de grupos. Primeiro eliminou o Fenerbahçe e depois desclassificou o Villarreal para integrar a chave E, onde deixou para trás Bayer Leverkusen, Tottenham e CSKA de Moscou. Na sequência, ganhou de Manchester City e Borussia Dortmund. Foi apontado como a revelação e caiu nas graças como o “queridinho” pelos torcedores dos clubes eliminados. A Juventus terminou a chave H à frente de Sevilla, Lyon e Dínamo de Zagreb. No mata-mata, ganhou do Porto e do Barcelona.

As equipes francesas só triunfaram no principal torneio europeu uma única vez. Foi em 1992/93, quando o Marselha deu a volta olímpica. Stade de Reims, Saint-Étienne e o próprio Mônaco, em 2003/04, já ganharam a medalha de prata. Enquanto isso, os alvinegros de Turim, se tornaram os donos do Velho Continente em 1984/85 e em 1995/96. Além disso, perderam a decisão em seis oportunidades.

Será que com tudo isso os turinenses são favoritos? Sim, são. Fui curto e grosso. Mas a verdade é que camisa pesa. Ainda mais em embates decisivos. A cada aplicação de cem reais, R$ 225 é o prêmio pelo triunfo italiano, contra R$ 310 dos monegascos e R$ 340 se ambos marcarem o mesmo número de tentos. Estes números foram fornecidos pelo Oddsshark.com/br.

A vantagem a favor da Vecchia Signora aumenta quando se analisa a classificação após 180 minutos; R$ 136 a favor dela, contra R$ 325 de seus desafiantes.

O maior prêmio nesta primeira metade desta chave é de R$ 2.900. Ele só se concretizará para quem investir que a Juve vence o primeiro tempo mas os alvirrubros viram o placar.

 

A final de 2017/18

O palco da final de 2017/18 já foi escolhido. O estádio Olímpico de Kiev, na capital da Ucrânia, abrigará a partida mais importante do futebol europeu da próxima temporada.

Os 32 participantes da fase de grupos também já foram divulgados pela UEFA: Alemanha, Espanha e Inglaterra terão três vagas; França, Itália e Portugal duas; Bélgica, Holanda, Rússia, Suíça, Turquia e Ucrânia uma cada. Além destes, o campeão de 2016/17, o vencedor da Liga Europa de 2016/17 e nove equipes vindas do mata-mata preliminar terão direito a jogar a etapa principal da competição.

 

Veja outros odds no Torcedores.

 

Semifinais, jogos de ida:

Terça-feira, 02 de maio:

(R$ 1,83) Real Madrid x Atlético de Madrid (R$ 4,00) (Empate R$ 3,75)

 

Quarta-Feira, 03 de maio:

(R$ 3,10) Mônaco x Juventus (R$ 2,25) (Empate R$ 3,40)