Grêmio: veja as alternativas de Renato para o lugar de Bolaños contra o Iquique

Grêmio
Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

O Grêmio desembarcou na tarde desta segunda-feira em Calama, no Chile, onde nesta quarta-feira (03), às 19h30 (horário de Brasília), enfrenta o Deportes Iquique, no estádio Tierra de Campeones, pela quinta rodada do grupo 8 da Copa Libertadores. O técnico Renato Gaúcho não poderá contar com o atacante Miller Bolaños, com lesão muscular.

O equatoriano sentiu o problema com apenas 11 minutos de bola rolando na goleada sobre o Guaraní-PAR (4 a 1), na última quinta-feira. Renato acabou optando pela entrada do volante Arthur, que aparece como principal candidato a ficar com a vaga contra os chilenos, formando a trinca de volantes com Jaílson e Ramiro.

VEJA MAIS:
Ex-Grêmio fala sobre o início na Alemanha e ainda sonha em disputar a Copa pela seleção 
Com desfalques, Grêmio viaja para enfrentar o Iquique

Quem também pode aparecer na equipe é o atacante Fernandinho, recuperado de entorse no tornozelo. O atleta voltou a trabalhar com bola nos treinamentos do final de semana e integra o grupo no Chile.

É muito provável que Renato só desfaça o mistério um hora antes da partida quando normalmente é divulgada a escalação.

Vale lembrar que o lateral-direito Edílson e o volante Maicon, ambos com problemas musculares, seguem como desfalques, assim como o reserva Gastón Fernández.

Até a partida de quarta-feira, a equipe terá dois treinamentos.

Para garantir a vaga às oitavas de final da Libertadores com uma rodada de antecedência, o Grêmio precisa de um empate. A equipe é a líder do grupo 8, com 10 pontos ganhos.

O Tricolor deve entrar em campo com: Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Jailson, Arthur (Fernandinho), Ramiro, Luan e Pedro Rocha; Lucas Barrios.



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)