Emprestado pelo Palmeiras, volante tem sido pouco utilizado no Bahia

Palmeiras
Foto: Divulgação/ECBahia

Fora dos planos do Palmeiras para 2017, o volante Matheus Sales foi emprestado para ter mais tempo de jogo no Bahia. Porém tem sido pouco utilizado no clube baiano.

Emprestado pelo Palmeiras até o final do ano, Matheus Sales foi uma das negociações mais difíceis feitas pelo Tricolor no início do ano, já que precisou vencer a dura concorrência do Fluminense. A decisão por jogar no time baiano foi por suspostamente ter mais chances de ser titular do que teria no Flu.

LEIA MAIS:
Pelé no Sport? Quase! Veja essa e outras curiosidades sobre o futebol nordestino
Conheça o Llanfairpwllgwyngyll F.C., o clube de futebol com o nome mais longo do mundo

Tido como uma das boas promessas para o futuro no Palmeiras, o volante disputa posição no Bahia com Renê Júnior (ex-Santos) Edson (ex-Fluminense), Juninho e Feijão.

A uma semana do início do Brasileirão, Matheus Sales disputou apenas dez partidas pelo Esquadrão, sendo oito como titular no Baiano – em todas as vezes em que Guto escalou reservas – e dois no Nordestão.

A falta de confiança do treinador no futebol do volante de 21 anos ficou evidente na reta final das competições. Matheus não entra em campo desde o dia 4 de abril, mais de um mês atrás, em jogo que não valia mais nada contra o Atlânico.

Após isto, o Tricolor disputou partidas decisivas e Sales não foi utilizado em nenhum minuto. Ficou apenas no banco de reservas nos cinco Ba-Vis e das semifinais do Baiano. Feijão chegou a jogar um segundo tempo inteiro contra o Fluminense de Feira



Baiano, 22 anos, jornalista em formação pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol, este último com maior fervor. Contato: victorw10@outlook.com