Cueva “perdoa” Fagner por entrada desleal: “Faz parte do futebol”

Crédito da Foto: Reprodução/TV Globo

Uma joelhada do lateral-direito Fagner na coxa do meia Cueva levou ambos os atletas para julgamento no Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo. Enquanto o corintiano pegou gancho de um jogo, o são-paulino apenas sofreu advertência.

Em entrevista ao UOL Esporte, Cueva diz que o lance faz parte do jogo e não guarda ressentimento de Fagner. “Antes de mais nada, não tive nenhum problema. Depois, não tenho que opinar nada porque para mim faz parte do futebol. O que tenho de opinar e dar mais importância é para a minha equipe, aos meus companheiros e ao clube. Eu não conheço Fagner pessoalmente, ele me parece um bom jogador. Mas eu não vejo nenhum problema, para mim faz parte do futebol“, disse o camisa 10 são-paulino.

LEIA MAIS
CUEVA É JULGADO POR TJD-SP E LEVA ADVERTÊNCIA POR LANCE COM FAGNER
ANTES CONTESTADO, GILBERTO, DO SÃO PAULO, ESTÁ ENTRE OS ARTILHEIROS DO BRASIL EM 2017
THIAGO MENDES IGNORA FASE DE RIVAIS E VÊ SÃO PAULO ACIMA: ‘SEMPRE SERÁ O PRIMEIRO’

O desentendimento teve início depois de uma jogada individual do peruano, que passou pelo lateral-direito. Os dois discutiram, se encararam, ameçaram cotoveladas e cabeçadas, o corintiano levou o dedo à cara do são-paulino mais de uma vez, e, no fim, deu uma joelhada na coxa esquerda. O lance passou despercebido pela arbitragem e Cueva evita criticar o árbitro.

Sobre arbitragem eu nunca falei. Não vou dizer que nunca vou falar, mas não quero porque os árbitros estão sujeitos a errar, como nós. Mas temos de aceitar como é o futebol hoje em dia e seguir com o trabalho“, concluiu.

Assista ao vídeo do lance que originou a confusão:



Jornalista com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação, Dialoog Comunicação e Comunicale.