Coincidência? desde 1989, a cada sete anos um time italiano conquista a Champions

Foto: Richard Heathcote/Getty Images

Real Madrid e Juventus disputarão o título da Uefa Champions League da temporada 2016/2017 em Cardiff, no dia 3 de junho. As equipes se reencontram   pela primeira vez em uma final desde 1998, quando o time madrilenho levou a melhor. Agora, no entanto, os números conspiram a favor da Velha Senhora.

Desde 1989, quando o Milan conquistou o título da competição ao derrotar o Steaua Bucareste, a cada sete ano um time italiano fatura a orelhuda.

Sete anos após a conquista do Milan, na Espanha, em 1996, a Juventus derrotou o Ajax, da Holanda, no estádio Olímpico de Roma. Já em 2003, sete anos mais tarde, o Milan conquistou novamente o título da competição ao superar a própria Juve, no Old Trafford, em Manchester.

Em 2010, sete anos depois da conquista do Milan, a Inter de Milão, comandada por Diego Milito e pelos brasileiros Lúcio e Júlio Cesar, além do técnico José Mourinho, derrotou o Bayern de Munique, que jogava em casa na final daquele ano.

Agora, mais sete anos após a última conquista de um time italiano na Champions, a Juventus está na grande final.

A final desta Champions colocará frente a frente o dois países mais vitoriosos da competição – a Espanha, com 16 títulos, e a Itália, com 12 conquistas. O Real Madrid é o maior vencedor, com 11 títulos conquistados, enquanto a Juve já levantou o caneco duas vezes.

Esta é a terceira final do Real Madrid nos últimos quatro anos  nas duas anteriores, contra o Atlético de Madrid, o time merengue levou a melhor. A Juventus volta a decisão da Champions League após dois ano – na última final, contra o Barcelona, em 2015, o time ficou com o vice-campeonato.