Patrocinador máster negocia com São Paulo, mas faz exigência para fechar acordo

Crédito da Foto: Reprodução/Twitter Central SPFC

O São Paulo está próximo de fechar com seu novo patrocinador máster para a temporada, após o fim do contrato com a Prevent Senior. Só que para que o Banco Intermedium estampar sua marca no lugar nobre da camisa tricolor, há um entrave envolvendo o técnico Rogério Ceni.

A empresa exige também patrocinar os uniformes do treinador são-paulino. O problema é que Ceni não tem contrato de direito de imagem com o clube, segundo reportagem desta quinta-feira (20) do jornal Lance!. Para isso, o banco precisa negociar diretamente com o comandante.

VEJA MAIS
DICAS PARA TORCEDORES EM JOGOS COM GRANDE PÚBLICO
ROGÉRIO PODERÁ TER MAIS DESFALQUES PARA O MAJESTOSO
RODRIGO CAIO NÃO SE ARREPENDE DE FAIR PLAY EM CLÁSSICO: “FIZ A COISA CERTA”

No início do ano, uma polêmica quase afastou um dos patrocinadores atuais da comissão técnica, a Corr Plastik. O M1TO não aceitou usar uniforme durante os jogos, somente nos treinamentos, o que causou um impasse entre as partes. Nas partidas, ele sempre veste social. Para compensação, a marca foi para o lugar nobre da camisa da equipe, desde a saída da Prevent Senior.

Na pré-temporada, em Orlando (EUA), Ceni aceitou usar a logomarca da Corr plastik na camisa de treinos, devido ao bom relacionamento com o departamento de marketing, liderado Vinicius Pinotti, que agora será gerente de futebol do São Paulo na nova gestão do presidente Leco no clube.



Jornalista desde 2012, ex-Diário do Grande ABC e NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com e no jornal ABCD Maior.