Opinião: Uns chamam de surpresa, eu prefiro chamar de realidade

Créditos: Site Botafogo

A consistência apresentada por esse time do Botafogo, não é de hoje. Está ficando chato você para pra ver um programa e ouvir: “o Botafogo está surpreendendo”. Chega, né?! O Botafogo é uma realidade, já passou da hora de aceitar isso.

Tudo bem que, a demora para encaixar Montillo e Camilo na equipe, deixou o time um pouco “instável” em alguns momentos, mas parece que a lesão de Montillo, ao invés de problema, virou solução e o Botafogo voltou a encontrar sua consistência.

 

LEIA MAIS

 

JOIA DA BASE ELOGIA ESTRUTURA DO BOTAFOGO, FALA DE INSPIRAÇÕES, OBJETIVOS E JAIR VENTURA; CONFIRA

 

O mais notável disso tudo nesse Botafogo de Jair Ventura, é a identidade deste time. A capacidade de se adequar as partidas, surpreende. Contra o Atlético Nacional, vimos um Botafogo que pouco queria atacar, pouco queria ficar com a bola e adotou a estratégia dos contra-ataques. Deu certo e o time venceu bem na Colômbia.

Ontem contra o Barcelona – EQU, o time inverteu os papéis e resolveu tomar as rédeas da partida. Com mais posse de bola o jogo inteiro, o Botafogo poderia ter saído com uma vistosa goleada do Equador, mas pecou na pontaria.

Futebol é dentro do campo, e hoje, o Botafogo apresenta sem dúvidas, um futebol vistoso que não deixa a desejar para nenhum outro clube do Brasil. É isso mesmo, hoje no Brasil, não tem aquele time que o torcedor alvinegro vai olhar e dizer: esse não dá pra ganhar, seja onde for.

Se o Botafogo vai manter essa identidade, não tem como prever, mas é bom a imprensa ir se acostumando e principalmente, que pare de tratar o Botafogo como surpresa e aceite: O Botafogo é uma realidade

Apesar da desvantagem de domingo, (cansaço e empate do rival), não tem como enxergar o Flamengo como favorito, se alguém fizer isso, desligue a televisão.

Twitter: @leocareca87