Força máxima! Confira o provável Botafogo para enfrentar o Flamengo

Botafogo
Satiro Sodré/SSPress/Botafogo.

O Botafogo vai ter força máxima para o clássico deste domingo contra o Flamengo. Precisando de uma vitória para garantir presença na decisão do Campeonato Carioca de 2017, o técnico Jair Ventura já confirmou que não pretende poupar jogadores. Após enfrentar uma ‘maratona’, com dois jogos fora de casa na Libertadores, o Glorioso treinou ontem (22) no Nilton Santos e está com o fôlego renovado para o clássico.

A partida entre Botafogo e Flamengo está marcada para às 16h (horário de Brasília) e vai acontecer no Maracanã. Por ter uma campanha melhor no Estadual, o Fla se classifica para a decisão com um empate. Quem chegar a final terá pela frente o Fluminense, que ontem venceu o Vasco por 3×0.

LEIA MAIS:

FLUMINENSE X VASCO: ASSISTA AOS GOLS DO CLÁSSICO CARIOCA

PALMEIRAS PASSA LONGE DE GOLEADA, VENCE A PONTE PRETA POR 1×0 E ESTÁ FORA DO PAULISTÃO

No treinamento de sábado, três jogadores não participaram das atividades. Destes, os laterais o Bruno e o Emerson Santos estão fora da partida contra o Flamengo. Já o zagueiro Carli foi poupado, mas está confirmado na equipe titular.

Em entrevista coletiva, Jair Ventura afirmou que o Botafogo vai dar o seu máximo para chegar a grande final do Estadual.

“A gente tem o cansaço natural, mas quando é clássico, decisão, acaba quando o juiz apita. Some tudo, bota o coração na ponta da chuteira e vamos para o jogo. Quem viajou sabe que é bastante cansativo, mas temos que dar nosso máximo”, falou o treinador.

Quanto a provável escalação, o Botafogo deve enfrentar o Flamengo com: Gatito Fernández; Fernandes (Gilson), Carli, Emerson Silva e Victor Luis; Dudu Cearense, Rodrigo Lindoso, João Paulo e Camilo; Rodrigo Pimpão e Roger (Sassá).

O volante Airton, que se recupera de lesão, não vai para o clássico e será preparado para a partida da próxima quarta-feira, quando o Botafogo recebe o Sport, pela Copa do Brasil.

Apesar da vantagem rubro-negra, o técnico do Fogão descartou apontar um favorito para o duelo.

“Clássico não tem favoritismo. Até pela equipe do Flamengo, bem armada pelo Zé Ricardo, não é um time que vai jogar pelo empate. Eles têm características ofensivas, assim como a gente. Quem for mais eficiente vai conseguir avançar para a final”, analisou.