“Faltou calma”, avalia Milton Mendes após derrota do Vasco por 3 a 0 diante do Fluminense

Foto: Divulgação/Flickr oficial do Fluminense

O Vasco começou o jogo cedendo espaços para o Fluminense atacar. O Tricolor tentava e forçava a defesa do Gigante da Colina a andar para trás. Finalizava e causava sustos à torcida do Cruzmaltino, que via seu time ser espremido pelo Flu.

Pressionado durante os 30 minutos iniciais da partida, Milton Mendes deixou claro que faltou calma ao Vasco na entrada para o gramado:

LEIA MAIS:
APÓS DERROTA PARA O FLUMINENSE, MILTON MENDES DEIXA CLARO: “NÃO ME PROMETERAM REFORÇOS”; CONFIRA
“PARECEU ENCENAÇÃO”, DIZ MILTON MENDES SOBRE LANCE QUE OCASIONOU EXPULSÃO DE DOUGLAS
“NÃO MERECÍAMOS LEVAR TANTOS GOLS”, DIZ MILTON MENDES SOBRE DERROTA PARA O FLUMINENSE

“Faltou um pouquinho. Entramos um pouquinho ansiosos. A equipe deles entrou melhor no jogo, depois equilibramos e criamos as melhores oportunidades. O goleiro defendeu um chute cara a cara do Nenê. Criamos algumas oportunidades boas no primeiro tempo, mas no segundo infelizmente levamos um gol logo no início de bola parada. Depois levamos o segundo, tentei arriscar um pouco, e logo em seguida tivemos um jogador expulso. Estávamos com 5 atacantes no momento e o desafio era equilibrar a equipe no meio de campo. Tentei fechar duas linhas de 4, mas foge às características do nosso grupo. Mérito para o adversário.”

Um momento polêmico marcou a subida dos times para o gramado. O protocolo de entrada foi quebrado. O Fluminense entrou sozinho, cumprimentou a arbitragem e só depois vieram os jogadores do Vasco, que foram diretamente saudar a torcida. Milton Mendes falou sobre isso:

“Nós atrasamos um pouquinho. Atrasamos a roda, nada premeditado. Pedimos desculpas a todos por isso. Foi um erro de cálculo.”

O Gigante da Colina está fora da Copa do Brasil, portanto resta apenas a disputa pelo Brasileirão 2017. O primeiro compromisso do Vasco será no dia 14 de maio, em São Paulo, contra o Palmeiras – atual campeão brasileiro.



Igor Calazans é um futuro jornalista por formação que ama futebol, Fórmula 1 e de dar pitadas em outros esportes.