Ex-jogador do New England Patriots, Aaron Hernandez comete suicídio na prisão

Divulgação/New England Patriots

Condenado em 2015 à prisão perpétua por ter assassinado o namorado da irmã da sua noiva, o ex-jogador do New England Patriots, Aaron Hernandez, foi encontrado morto em sua cela por autoridades da prisão de Massachusetts Department of Corrections nesta madrugada.

O ex-jogador do Patriots, Aaron Hernandez, se suicidou na madrugada desta terça-feira em uma prisão em Massachussetts, nos Estados Unidos. Ele foi condenado a  prisão perpétua em 2015, pelo assassinato de Odin Lloyd, na época namorado da irmã da noiva do jogador da franquia de New England. Na última sexta-feira, ele foi julgado por outros dois assassinatos nos quais ele era acusado, e acabou sendo inocentado.

A repórter da ESPN, Micheele Stele, foi quem divulgou a notícia em primeira mão:

Na declaração acima, as autoridades afirmam que o ex-jogador do New England Patriots, se enforcou com um lençol, amarrado em sua janela. Ele estava sozinho na cela no momento em que cometeu o suicídio.

Aaron Hernandez tinha 27 anos de idade, e ao lado de Rob Gronkowski, formou uma das melhores duplas de Tight End dos últimos anos de toda a NFL. Ele participou do Super Bowl XLVI pelo New England Patriots, equipe pela qual jogou entre 2010 e 2012.