Felipe Melo valoriza empate do Palmeiras: “ninguém ganhará da gente na força”

Brasileirão
Crédito da imagem: Cesar Greco / Ag. Palmeiras

O Palmeiras foi valente e guerreiro contra o Atlético Tucuman. Na Argentina, o Verdão ficou com um jogador a menos com a expulsão de Vitor Hugo, saiu atrás do placar, empatou a partida e garantiu um ponto fora de casa.

Após o jogo, Felipe Melo, que se destacou na marcação, sobretudo depois da expulsão de Vitor Hugo, comemorou o resultado pela maneira que o jogo se desenhou.

Veja mais: Melhores momentos do empate do Palestra na Libertadores

Ele aproveitou para lembrar a polêmica frase que disse quando foi apresentado no Palmeiras há algumas semanas:

“Quando eu falei que eu ia dar tapa na cara, pros bons entendedores, era isso daqui. Que ninguém vai ganhar da gente na força. Hoje, com menos um mostramos espírito de guerreiro. E esse empate com sabor de vitória vai para nosso amigo Vitão (Vitor Hugo). Mas Libertadores é isso aí. Na força ninguém vai ganhar do Palmeiras. A grama estava alta, estava difícil jogar futebol. A gente se superou com um a menos e vamos valorizar esse ponto”, disse em entrevista ao Sportv após a partida.

O camisa 30 ainda lembrou da última vez que havia jogada em solo argentino. Foi pela seleção brasileira, quando o time comandado por Dunga se classificou para a Copa do Mundo ao vencer os argentinos:

“Comemorei muito porque a última vez que joguei aqui na Argentina, a gente bateu de 3 a 1, com Verón e todo mundo e classificamos para a Copa do Mundo. Aqui é Brasil.”

O Palmeiras agora volta ao Brasil e começará a pensar no clássico estadual contra o São Paulo. Na quarta-feira que vem, o Verdão encara o Jorge Wilstermann da Bolívia no Allianz Parque pela segunda rodada da competição internacional.



Jornalista formado pela FIAM FAAM. Apaixonado por futebol independente do país ou divisão. Setorista do Inter e esportes olímpicos. Contato: mohamed.nassif12@hotmail.com