Com reservas, Flamengo tropeça diante do Ceará

Com reservas, Flamengo tropeça diante do Ceará

Um empate sem gols interrompeu a sequência de vitórias do Flamengo em 2017. Apenas um titular enfrentou o Ceará pela Copa da Primeira Liga

.

Zé Ricardo escalou o Flamengo diante do Ceará com Alex Muralha, Rodinei, Donatti, Juan e Rene; Marcio Araujo, Cuéllar, Lucas Paquetá (Cafu); Gabriel (Ronaldo), Felipe Vizeu e Adryan (Matheus Sávio).

“Acho que houve evolução do primeiro para o segundo jogo com esse grupo. Demos oportunidade de outros jovens mostrar a condição deles. Viemos por dois objetivos: vencer a partida e dar ritmo ao grupo. Acho que alcançamos um dos objetivos. Gostei do primeiro tempo da postura, tivemos oportunidades de definição”, analisou Zé Ricardo na coletiva após o jogo.

O jogo aconteceu no Estádio Castelão, em Fortaleza, atraiu 17.075 torcedores (16.216 pagantes) e rendeu R$ 410.013,00.

Com apenas um titular (Alex Muralha) e três jovens das categorias de base (Lucas Paquetá, Adryan e Felipe Vizeu) contra o time principal do Ceará, o Flamengo perdeu 100% de aproveitamento na temporada e agora tem sete vitórias (cinco no Campeonato Carioca e duas pela Primeira Liga, contra Grêmio e América-MG) e um empate.

Zé Ricardo reconheceu que este time está abaixo do ideal. “Falta ritmo a alguns atletas e as oportunidades a esses jogadores servem para isso”, completou.

Apesar do resultado, o rubro-negro carioca mantém tabu diante do Ceará: seis anos sem perder para o alvinegro de Fortaleza. A última derrota foi em 2011, pela Copa do Brasil, quando o jogo terminou 2 a 1.

O Flamengo volta a campo no sábado (25), quando encara o clássico diante do Vasco no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O jogo é válido pela semifinal da Taça Guanabara e o rubro-negro tem a vantagem do empate porque fez a melhor campanha no estadual.

O Ceará volta a jogar pela Copa da Primeira Liga diante do Grêmio na próxima semana, enquanto o Flamengo já fez os três jogos, se garantiu na liderança do grupo B e aguarda pela próxima fase, que será em agosto.