Zé Love relembra título da Libertadores e diz: “Era um sonho de todos”

Crédito da foto: Reprodução\ Flickr Santos

O atacante Zé Love que tem seu contrato com o Vitória terminando nesse fim de ano, deu uma entrevista exclusiva para o Torcedores.com, em que ele relembra dos seus tempos de Santos, da importância de Muricy na sua carreira e do título da Libertadores pelo Peixe.

O atacante teve uma má fase no Santos em que a bola não entrava, porém Muricy o bancou como titular e ele agradece a confiança que o técnico mostrou nele. O Alvinegro Praiano foi o Campeão da Libertadores de 2011, porém teve um início muito ruim, com chance de ser até eliminado, Zé Love disse que o essencial para equipe ter dado a volta por cima foi a confiança que todos do elenco passaram um para o outro.

LEIA MAIS:

SEGUNDO BANDEIRA DE MELLO, SONHO DE GABIGOL É JOGAR NO FLAMENGO

ZÉ LOVE AFIRMA DESEJO DE PERMANECER NO VITÓRIA: “ESTOU MUITO FELIZ AQUI”

Veja o bate papo exclusivo com Zé Love:

Torcedores.com:

No Santos você teve uma fase que não fazia gols, mas Muricy te bancou como titular, qual a importância dele em sua carreira?

Zé Love:

Muricy tem uma importância grande em minha carreira. Na época do Santos ele sabia que eu poderia ajudar a equipe e me deu confiança necessária para isso. Um dos grandes treinadores da história do futebol, sem dúvida e de grande caráter.

Torcedores.com:

No Santos foi seu melhor momento a carreira? Deseja um dia voltar ao clube?

Zé Love:

Passei um grande momento no Santos, conquistei títulos importantes e fui feliz no clube. Foi um momento especial que vivi, assim como esse no Vitória. Meu foco hoje é o Vitória. Vou aproveitar as férias agora e pensar no futuro com calma.

Torcedores.com:

Zé Love você foi titular do Santos na campanha do título da Libertadores, mas o início do Peixe foi muito ruim, algum momento achou que não daria para se classificar?

Zé Love:

Tínhamos uma equipe muito forte naquele ano e sabíamos que poderíamos conquistar a classificação. O mais importante naquele momento foi a confiança que passamos uns para os outros e focamos tudo não só na classificação, mas no título da Libertadores, que era um sonho de todos.



Apaixonado pelo futebol que é a melhor invenção do homem, atualmente setorista do Santos e Futebol Feminino pelo Torcedores.com