Nobre revela como Palmeiras deixou de depender das receitas da TV Globo

Palmeiras
Crédito da foto: Reprodução Vídeo

O presidente Paulo Nobre do Palmeiras, foi o convidado desta terça-feira(13), programa Esporte em Discussão, da Jovem Pan. O dirigente alviverde revelou como o time aumentou suas receitas e deixou de ser dependente da TV Globo.

Segundo o mandatário do Alviverde o Sócio Avante foi muito importante nesse processo, para o cartola o ‘engajamento do palmeirense’ foi essencial para o clube adquirir outras fontes de renda que não seja apenas da emissora que monopoliza o futebol no Brasil. Ele também cita como de fundamental importância os patrocinadores que começaram investir no clube a partir de 2015, além do Allianz Parque.

LEIA MAIS:

MERCADO DA BOLA 2016: ATACANTE PARAGUAIO SE ANIMA COM CHANCE DE JOGAR NO SÃO PAULO

“O Palmeiras igual a qualquer outro clube no Brasil, tinha em 2013, nas receitas da televisão, a grande parte da pizza vinha da televisão, isso é uma coisa que a gente sempre achou uma coisa muito interessante, mas a gente tinha a convicção que tinha que ter outras receitas para você não ficar dependente só de uma, aí eu diria que a receita que mais deu receita para o Palmeiras de uma maneira que o Palmeiras não dependa absolutamente de ninguém foi é o Sócio Torcedor Avanti” disse Paulo Nobre.

“O palmeirense não tem ideia quanto ele ajudou nesse processo todo, por que na verdade não é uma decisão de Marketing de uma empresa investir, que hoje é praticamente dois patrocínios master, é o que o Sócio Avanti hoje nos dá. Na verdade isso depende só de cada palmeirense, depende só da vontade de você investir na sua própria felicidade, não querer que seu filho sofra bullying na escola, por torcer pelo mesmo time que você, de você não ser gozado na segunda-feira, de manhã, então esse engajamento do palmeirense passou a ser uma fonte de receita maravilhosa”, afirmou o dirigente Alviverde.

“A Arena, o que acontece o Palmeiras nesses 102 anos, sempre teve casa própria, Palmeiras nunca morou de aluguel, então o palmeirense estranhou muito ficar 5 anos fora, então eu tive certeza que voltando ao Palestra, a gente sempre teria um público muito melhor que no Pacaembu, e a Arena Palmeiras remodelado é um motivo de muito, muito, muito orgulho, para todo palmeirense. Ele em um primeiro momento encheu muito a Arena e depois com um time competitivo vindo das rendas da Arena, do Sócio Torcedor, da televisão, de tudo que o Palmeiras tinha, daí veio os patrocínios coisa que a gente não teve em 13 e 14, e o patrocinador realmente se empolgou em estar aparecendo na camisa do Palmeiras e fez um patrocínio maior do Brasil”, comentou o presidente do Verdão.

Paulo Nobre ainda completou: “A televisão passou a ser uma grande fonte de receita, mas não a única”.

Veja o vídeo na íntegra do que Paulo Nobre disse sobre tudo isso:



Apaixonado pelo futebol que é a melhor invenção do homem, atualmente setorista do Santos e Futebol Feminino pelo Torcedores.com