Enquete: Quem é o culpado pelo rebaixamento do Inter para Série B?

Crédito da imagem: Ricardo Duarte / SC Internacional

A campanha com 11 vitórias e 17 derrotas no Brasileirão de 2017 levou o Inter para a Série B pela primeira vez na história.

LEIA MAIS:
Rebaixado, Inter chegou a liderar o Brasileirão
Brasileirão: Veja quem subiu e quem caiu nas quatro divisões
CATS agora conta com Gabiru no elenco

O Inter teve quatro técnicos entre maio e dezembro. Campeão gaúcho, Argel deixou o clube em julho para chegada de Falcão. O ídolo ficou apenas cinco jogos no comando da equipe, saiu sem conquistar vitórias e em agosto deu lugar ao experiente Celso Roth. A passagem dele durou 22 jogos e terminou a três rodadas do fim, quando a diretoria contratou Lisca na tentativa desesperada de evitar a queda para Série B.

Em agosto, a diretoria acertou a volta de Fernando Carvalho para assumir o cargo de vice de futebol. O dirigente marcado pela conquista da Libertadores em 2006/2010 e Mundial de Clubes em 2010 fracassou no projeto de manter o Inter na Série A. O presidente Vitorio Piffero também encerra o mandato neste ano.

Eleito no último final de semana, o novo mandatário Marcelo Medeiros anunciou Antonio Carlos Zago para treinar o Inter em 2017. Um dos principais jogadores do elenco, o goleiro Danilo Fernandes também mostrou interesse em ficar.

A Série B de 2017 terá ABC, América-MG, Boa Esporte, Brasil de Pelotas, Ceará, CRB, Criciúma, Figueirense, Goiás, Guarani, Internacional, Juventude, Londrina, Luverdense, Náutico, Oeste, Paraná Clube, Paysandu, Santa Cruz e Vila Nova.