Under Armour pode ser a nova fornecedora de material esportivo do Galo

Reprodução/Bruno Cantini/ Flickr oficial do Galo

Após as várias polêmicas com o seu fornecedor de material esportivo, o Atlético deve mesmo romper com a Dryworld. Com isso, segundo informou a rádio Itatiaia, o Galo está negociando e bem próximo de fechar com a Under Armour.

LEIA MAIS:

Lucas Pratto é ovacionado pela torcida argentina

No Brasil, a Under Armour tem contrato de exclusividade com o São Paulo até março de 2017. Caso o negócio seja fechado com o Atlético, a empresa só poderia estampar a sua marca após este período vigente de contrato com o time paulista.

Desde os primeiros meses o Atlético sempre enfrentou problemas com a Dryworld, que nunca cumpriu direito a sua parte do contrato. O Galo está resolvendo a situação por meio judicial, já que o vínculo assinado é de 2016 a 2020.

Quando as partes fecharam o contrato, o que foi divulgado é que a nova parceira renderia aos cofres do Galo cerca de R$ 100 milhões, divididos em montantes de R$ 20 milhões a cada temporada.

Contudo, a Dryworld nunca deu conta de fornecer o material esportivo, principalmente devido as falhas na distribuição dos materiais nas lojas. Além disso, a empresa não honrou o compromisso firmado com Robinho, Lucas Pratto e Luan. Desta forma, essas pendências tem sido assumidas pelo Atlético.



Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.