UFC confirma José Aldo como campeão dos penas

Reprodução/Facebook Oficial José Aldo

José Aldo voltou a ser campeão peso-pena do UFC. Mesmo sem entrar no octógono desde julho no UFC 200, o brasileiro retomou o seu cinturão de forma oficial neste sábado (26) quando o irlandês Conor McGregor abdicou do título da categoria, conquistado justamente em cima do então ex-campeão.

O site oficial do UItimate confirmou que o ‘Notorious’ abriu mão do cinturão dos penas, em uma manobra que aconteceu na tentativa de repor a luta principal do card do UFC 206, próximo dia 10, que seria entre Daniel Cormier e Anthony Johnson.

LEIA MAIS

OTÁVIO CONFIRMA PROPOSTA DO CORINTHIANS E DEIXA FUTURO NAS “MÃOS DE EMPRESÁRIOS”

PRÊMIO TORCEDORES.COM TERÁ A SUA 2ª EDIÇÃO EM 2016 – E COM NOVIDADES!

Cormier, que defenderia  contra ‘Rumble’ o cinturão dos meio-pesados, se lesionou e foi retirado do card. Com o cancelamento posterior da luta, o UFC ficou sem evento principal e decidiu dar status de luta por cinturão para o então co-evento principal, também na categoria dos penas, entre Anthony Pettis e Max Holloway, que agora lutarão pelo cinturão interino.

José Aldo era dono do cinturão interino, conquistado no UFC 200 em vitória em cima de Frankie Edgar. O brasileiro chegou a anunciar que estava se aposentando do MMA ao não ver seu pedido de uma revanche contra McGregor realizado, mas decidiu reconsiderar a decisão após reunião com o Ultimate.

McGregor conquistou no último dia 12 o título dos leves do UFC, batendo Eddie Alvarez no UFC 205, em Nova York. Este cinturão continua de posse do irlandês a espera de uma defesa ou até mesmo da chance do ‘Notorious’ novamente subir de categoria e lutar nos meio-médios.