Se não subir, Vasco pode perder muito mais do que dinheiro; confira

Jorginho
Foto: Carlos Gregório Júnior/ Vasco.com.br

O Vasco da Gama terá no próximo sábado uma verdadeira final contra o Ceará, pela última rodada do Campeonato Brasileiro Série B. Jogando no Maracanã e contando com uma boa presença de público, o Gigante da Colina precisa vencer para confirmar o seu retorno à elite do futebol nacional.

LEIA MAIS:
PRÊMIO TORCEDORES.COM TERÁ A SUA 2ª EDIÇÃO EM 2016 – E COM NOVIDADES!
PRESIDENTE DO BOTAFOGO SOBRE SUCESSO DO TIME NA ARENA: “NINGUÉM APOSTAVA”
VÍDEO: MOISÉS APLICA BELO CHAPÉU EM ADVERSÁRIO NA VITÓRIA DO PALMEIRAS
VÍDEO: JORNALISTAS “CONGELAM” ESPERANDO JOGADORES DO BARCELONA

O risco de não subir assusta a muitos torcedores do Vasco, bem como aos seus jogadores, comissão técnica e diretoria. Caso isso aconteça, o clube terá reduzido os valores da cota de TV, não recebe o bônus de seu patrocinador e também deverá ter um 2017 com baixa arrecadação de bilheteria.

No entanto, essas não são as únicas coisas que o Vasco pode perder se não subir. O crescimento de sua torcida, por exemplo, que já se dá de maneira muito lenta, pode ser ainda mais devagar. A grandeza do clube tetracampeão brasileiro e bicampeão sul americano também está ameaçada com a possibilidade de o Cruzmaltino passar a 4ª temporada de sua história na 2ª divisão.

Crédito da Foto: Carlos Gregório Júnior/ Vasco.com.br