Rebaixado com o Figueirense, Rafael Moura entra na lista dos que mais caíram para série B

Rafael Moura
Foto: divulgação

Atacante Rafael Moura foi rebaixado pela quarta vez em sua carreira e se juntou a outros dois jogadores que possuem a mesma marca negativa.

LEIA MAIS:
Olha ele aí! Ex-Palmeiras hoje é ídolo na Turquia e tem até bandeirão próprio

A partida entre Vitória x Figueirense, válida pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, decretou a queda do time de Santa Catarina para a série B de 2017, visto que se encontra a oito pontos do primeiro clube fora da zona de rebaixamento e restam apenas seis em disputa.

O centroavante da equipe, Rafael Moura, fez uma boa campanha durante a competição e balançou as redes oito vezes, algumas delas muito importantes, como o gol da vitória contra o Santos, na Vila Belmiro, e contra o Corinthians, que adiou por uma rodada a confirmação da queda do Figueira.

Com mais um rebaixamento, segundo levantamento do jornal Lance!, o jogador chegou ao quarto de sua carreira. A primeira vez foi com o Vitória em 2004. Em 2005, mesmo sendo destaque do Paysandu e chamando a atenção do Corinthians que o contratou no ano seguinte, o atacante caiu com sua equipe. Com o Goiás em 2010, somou sua terceira queda.

Outros dois atletas também possuem a mesma marca negativa do He-man. O lateral-direito Jonas, atualmente rebaixado com o América-MG, caiu com o São Caetano em 2006,  Sport em 2009 e Vitória em 2010. O primeiro a conseguir esse feito foi o também atacante Nunes, com quedas junto ao Coritiba (2005), Fortaleza (2006) e Santo André (2009).