Palmeiras deve definir planejamento para 2017 após eleições

Nobre, Galiotte e Cuca
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

O Palmeiras está a poucos passos de ser coroado campeão brasileiro e garantir um final de mandato a Paulo Nobre com enorme sucesso. Mas com o próximo ano chegando, o Verdão só deve começar a pensar em 2017 assim que as eleições para eleger o novo presidente do clube forem realizadas.

LEIA MAIS

PRÊMIO TORCEDORES.COM TERÁ A SUA 2ª EDIÇÃO EM 2016 – E COM NOVIDADES!

Para o pleito, apenas um candidato estará presente, Maurício Galiotte, um dos vices do atual mandatário alviverde. Apesar da aparente facilidade com o planejamento, por este ser candidato da situação, o novo presidente do Verdão deverá tomar algumas decisões para a montagem do elenco, comissão técnica e diretoria.

Três áreas são elencadas como ‘prioridades’ para o novo presidente do Palmeiras em 2017 segundo o Globoesporte.com: assegurar as permanências do técnico Cuca e do diretor de futebol Alexandre Mattos e também de reforçar o elenco e manter algumas das principais peças na atual campanha do Brasileirão.

Cuca

Cuca, que chegou a sinalizar durante a temporada uma volta para a China no próximo ano, tem contrato com o time até o final da temporada e novamente sugeriu nesta semana que poderia passar um tempo na Europa conhecendo o futebol local.  A torcida já se manifestou pedindo a permanência do treinador e até o meia Moisés afirmou que ele ficará no clube em 2017.

Mattos

Outro com contrato até o final da atual temporada, Alexandre Mattos foi o responsável pela montagem do time que está perto de ser campeão brasileiro e que também levou a Copa do Brasil de 2015. Não existem indícios de negociações para a permanência do dirigente e isto só deve ser decidido a partir da eleição de Galiotte.

Elenco

O Palmeiras já acertou com os meias Raphael Veiga (Coritiba), Hyoran (Chapecoense) e o atacante Keno (Santa Cruz) e está perto de fechar com o  também meia Alejandro Guerra (Atlético Nacional-COL). Além de outras contratações, o time também busca renovar contrato de jogadores cujos vínculos terminam ao final do ano, casos do goleiro Jaílson e do atacante Alecsandro.

(Crédito da foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)