Moisés será julgado pelo STJD e pode desfalcar o Bahia no restante da Série B

Foto: Divulgação/ECBahia

Lateral com mais atuações pelo Bahia na temporada, Moisés é tido como titular absoluto na esquerda da defesa tricolor. No entanto, o jogador tem presença incerta nas partidas mais importantes da temporada.

LEIA MAIS:
Pelé no Sport? Quase! Veja essa e outras curiosidades sobre o futebol nordestino
Conheça o Llanfairpwllgwyngyll F.C., o clube de futebol com o nome mais longo do mundo
CONFIRA COMO FICARAM OS GRUPOS DA COPA DO NORDESTE 2017
Mercado da bola: Time dos Estados Unidos quer tirar Ibrahimovic do Manchester United
Prêmio Torcedores.com terá sua 2ª edição em 2016
Conheça os finalistas do prêmio Torcedores.com de mídia esportiva 2016

Expulso na partida contra o Vila Nova, Moisés cumpriu suspensão automática contra o Sampaio Corrêa e voltou a atuar no último sábado, diante do Vila Nova. No entanto, a expulsão da 34ª rodada pode deixar o jogador fora das últimas duas rodadas do ano.

Isto porque o camisa 6 foi denunciado por insultos à arbitragem, conforme foi relatado na súmula do árbitro paranaense Rodolpho Toski Marques, na partida contra o Vila Nova, no dia 4 de novembro. Confira:

“(…) após a expulsão, o referido atleta foi em direção do assistente de nº 01 Ivan Carlos Bonh, empregando linguagem ofensiva, gritando as seguintes palavras: ‘você está de sacanagem, você é um merda, vai tomar no seu c…’. Após essas palavras, o referido atleta saiu do campo de jogo e segundos depois voltou a entrar, vindo novamente em sua direção, gritando novamente de maneira ofensiva: ‘vai tomar no seu c…, seu merda’. O mesmo teve que ser contido pelo preparador de goleiros, Sr. Thiago Costa Mehl, da equipe do Esporte Clube Bahia, que saiu do seu banco de reservas e foi até o jogador e encaminhou-o ao vestiário”, relatou o árbitro.

Com isso, Moisés foi citado pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) em dois artigos. O primeiro é o artigo 250 inciso I (praticar ato desleal ou hostil), podendo ser suspenso de um a três jogos. O segundo é artigo 243-F (ofender alguém em sua honra), cuja pena pode chegar a uma suspensão de um a seis jogos, além do pagamento de uma multa que pode variar entre R$ 100 a R$ 100 mil.

Moisés lidera duas estatísticas negativas do Bahia nesta Série B: é o jogador com mais cartões amarelos recebidos (10) e com mais cartões vermelhos (2). Em contrapartida, é o segundo colocado no ranking de desarmes certos. O julgamento acontecerá nesta quinta-feira, dia 17.



Baiano, 22 anos, jornalista em formação pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol, este último com maior fervor. Contato: victorw10@outlook.com