Opinião: Max Verstappen, o novo Sebastian Vettel da Fórmula 1

Philip Platzer/Red Bull Content Pool

Os olhos dos amantes de Fórmula 1 estarão, hoje, voltados para a decisão do título da temporada, que será levantado pelo alemão Nico Rosberg ou pelo inglês Lews Hamilton. Para os brasileiros, a despedida de Felipe Massa das pistas da categoria também será um ingrediente a mais para acompanhar o GP de Abu Dhabi. Mas, pensando no futuro, para as próximas temporadas, nenhum deles é quem chama atenção, e sim um jovem piloto holandês, que impressionou a todos em 2016.

Max Verstappen é filho do ex-piloto de Fórmula 1, Joe Verstappen, e de Sophie Kumpen, que teve grande sucesso em carreira no kart. Nascido na cidade de Hasselt, Bélgica, em 30 de setembro de 1997, Max defende nas pistas a nacionalidade de seu pai, holandesa.

LEIA MAIS:
FINAIS INESQUECÍVEIS: VETTEL E ALONSO
SAIBA COMO MASSA VAI LARGAR EM SUA ÚLTIMA CORRIDA NA F1
ROSBERG X HAMILTON: CONFIRA O RETROSPECTO DOS DOIS PILOTOS NO GP DE ABU DHABI

Próximo de completar 19 anos e dois meses de idade, o jovem prodígio da F1 já superou inúmeras marcas em sua carreira ao mostrar seu potencial nos torneios que disputava. Até 2013 ele ainda corria nas pistas de Kart, quando foi campeão do Mundial de KZ no mesmo ano.

Já no ano seguinte veio um grande passo na sua vida. Subiu dos Karts para a Fórmula 3 europeia, onde conquistou uma incrível marca de oito vitórias consecutivas. Fato que fez o garoto de até então 16 anos impressionar o mundo.

A partir daí veio recordes atrás de recordes.

Ainda em 2014 foi anunciado como piloto titular da Fórmula 1 para 2015, pela Scuderia Toro Rosso (STR). Mas já em outubro ele se tornou o piloto mais jovem a participar de um treino oficial da categoria, no GP de Suzuka, com apenas 17 anos e dois dias de idade. Em março de 2015, conseguiu o feito de ser o piloto mais jovem a correr uma grande prêmio, na Austrália, com 17 anos e 166 dias.

Outras marcas vieram e, neste ano, Max foi para a Red Bull durante o campeonato, e logo na sua estreia pela equipe, no GP da Espanha, em 15 de maio, conquistou sua primeira vitória na F1. E de quebra, mais uma marca pra seu currículo, o de piloto mais jovem a vencer um GP, com com 18 anos e 229 dias.

Para além dos números que Max Verstappen trás consigo, ele mostra a qualidade no que faz, e prova que mesmo com a pouca idade e se tiver em mãos um carro competitivo, em breve poderá ser campeão mundial.

Um sonho? Não. Ele já se sente preparado para disputar de igual para igual com seus adversários, e ser campeão mundial já no ano que vem, revelou em entrevista a revista motorsport.com:
“A sua postura altera por completo assim que você tem um carro que pode lutar pelo título. Se o tiver à sua disposição não necessita andar a 105% a todo o momento. Pode levantar um pouco um pé, tirar um segundo para si, ao invés de continuar a forçar para ser o primeiro classificado”, revelou.

Um menino com espírito vitorioso. Se Max Verstappen vencer o mundial 2017 ele já entrará pra história como o piloto mais novo de Fórmula 1 a levar o troféu pra casa. Mas mesmo que tal façanha não venha ano que vem, esse recorde pode ser dele até 2020, sendo que a marca é atualmente do Tetracampeão Sebastian Vettel, vitorioso pela primeira vez em 2010, quando tinha 23 anos, quatro meses e 11 dias, quando também defendia a RBR.

Fato é que, boa parte das marcas de precocidade adquiridas pelo alemão foram batidas por Versttapen, mas a de piloto mais jovem a conquistar um tetra ainda está nas mãos de Vettel, e bem assegurada por sinal. (Tetracampeão consecutivo em 2013, aos 26 anos, quatro meses e 23 dias).

Atualmente, o jovem holandês ocupa a 5ª colocação no campeonato, com 192 pontos. No GP de Interlagos, dia 13 de novembro, saiu do 16º lugar na prova já nas últimas voltas, e após um show de performance, alcançou o pódio com 3º lugar.

O caminho de sucesso já está trilhado. Max tem tudo a seu favor para se tornar em breve um dos principais pilotos da história da Fórmula 1, seja superando recordes ou brigando pelo título. O menino Verstappen segue os passos para ser um novo Sebastian Vettel; um jovem multicampeão.



Paulistano, 20 anos. Estudante de Comunicação Social-Jornalismo da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.