Top 10 tem maior equilíbrio entre tenistas em 44 anos; entenda

Reprodução/ Facebook oficial de Andy Murray

O tênis vive um momento de mudanças, tanto que este ano foi quebrada a grande hegemonia de Novak Djokovic, depois da vitória de Andy Murray no ATP Finals, torneio que reúne os oito melhores jogadores da temporada. Inclusive, nesta edição realizada em Londres, foi a primeira vez que a grande decisão iria determinar quem ficaria com o topo do ranking.

Melhor para o escocês, que se mostrando bem concentrado, levou o caneco para casa. O equilíbrio e tanto, que após 44 anos, esta é a primeira vez no ranking em que os 10 primeiros tenistas são de nacionalidades distintas.

LEIA MAIS:

Rio Open confirma a participação de dois top 10 na edição de 2017

López: “Não voltará a existir um jogador como Roger Federer”

E esta perspectiva reflete também no tênis feminino. Com exceção das norte americanas Serena Willians e Madison Keys, todas as outras atletas possuem nacionalidades distintas.

Confira abaixo esta curiosa estatísticas:

Top 10 masculino

1.Andy Murray – Escocês
2. Novak Djokovic – Sérvio
3. Milos Raonic – Canadiano
4. Stan Wawrinka – Suíço
5. Kei Nishikori – Japonês
6. Marin Cilic – Croata
7. Gael Monfils – Francês
8. Dominic Thiem – Austríaco
9. Rafael Nadal – Espanhol
10. Tomas Berdych – Checo

Top 10 feminino

1.Angelique Kerber – Alemã
2. Serena Williams – Norte-americana
3. Agnieszka Radwanska – Polaca
4. Simona Halep – Romena
5. Dominika Cibulkova – Eslovaca
6. Karolina Pliskova – Checa
7. Garbine Muguruza – Espanhola
8. Madison Keys – Norte-americana
9. Svetlana Kuznetsova – Russa
10. Johanna Konta – Britânica



Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.