Ironia do destino: na próxima segunda, Inter pode ver rebaixamento pela TV

rebaixamento
Crédito da imagem: Ricardo Duarte / SC Internacional

Como se já não bastasse a péssima fase do time e o grande momento do rival, os torcedores colorados ainda precisarão aguentar uma grande ironia do destino. Se mais uma vez o Inter não fizer sua parte na próxima rodada, o primeiro rebaixamento do clube pode ser confirmado já na próxima segunda-feira, sem que o clube sequer esteja dentro de campo.

LEIA MAIS:

Reservas do Grêmio brilham na Arena e torcida manda recado para o Inter

Messi? Cristiano Ronaldo? Conheça o jogador mais rico do mundo

Tudo vai depender do desempenho do time de Lisca no domingo, quando enfrenta o Cruzeiro, no Beira-Rio. Se cumprir seu papel e vencer os mineiros, a decisão da última vaga da zona da degola fica adiada para a última rodada. Nela, o Inter visita o Fluminense, o Vitória recebe o Palmeiras e o Sport recebe o Figueirense.

Caso o Inter volte a tropeçar e só empate com o Cruzeiro, o rebaixamento colorado pode ser confirmado na segunda-feira que vem, data em que ocorre o duelo entre Coritiba e Vitória, no Paraná. Se o Inter empatar na rodada, jogará a Série B se o Vitória vencer no Couto Pereira. Caso o colorado seja derrotado pelos mineiros, um simples empate dos baianos afunda o Inter para a B.

“Temos que fazer a nossa parte e torcer para que nosso adversário pise na bola, vamos dizer assim. Mas o fundamental será fazermos o próximo resultado”, avaliou Vitorio Piffero, presidente do Inter. “Não pode pensar no Vitória, temos que pensar na gente. Fazer a nossa parte. Ganhando o próximo jogo vamos vivos para a última rodada. Temos que nos concentrar contra o Cruzeiro”, frisou Lisca, após a derrota para o Corinthians por 1×0, na sua estreia.

Para fazer o Inter voltar a vencer, Lisca terá que reinventar o time nesta semana livre de trabalho para o duelo de domingo contra o Cruzeiro. O clube já não vence há sete jogos, somando Brasileirão e Copa do Brasil, com um mês inteiro de jejum. Depois da derrota para o Corinthians, as chances de rebaixamento do Inter chegaram pela primeira vez na casa dos 90%.



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Fã de esportes, sobretudo tênis. Colorado por paixão, jornalista por vocação e tenista por opção.