Copete brilha, Santos vence e ainda briga pelo título

Reprodução/Facebook Santos Futebol Clube

O Santos segue muito vivo nas rodadas finais do Campeonato Brasileiro. Nesta quinta-feira (17), jogando na Vila Belmiro, os alvinegros contaram com dois gols do colombiano Jonathan Copete para superar o Vitória pelo placar de 3×2, chegar aos 67 pontos e ficar a três do líder Palmeiras, que ainda enfrenta o Atlético-MG na rodada.

PRÊMIO TORCEDORES.COM DE JORNALISMO COLABORATIVO
PRÊMIO TORCEDORES.COM TERÁ SUA 2ª EDIÇÃO EM 2016
CONHEÇA OS FINALISTAS DO PRÊMIO TORCEDORES.COM DE MÍDIA ESPORTIVA

A partida começou de maneira equilibrada, com os baianos não se intimidando por atuarem fora de casa, já que precisavam do triunfo para continuar lutando contra o rebaixamento. No entanto, após carimbar o travessão, Lucas Lima serviu Copete, que em posição irregular, bateu na saída do goleiro, abrindo o placar para o Peixe.

E os donos da casa conseguiam manter o confronto sob controle, até que, já nos quarenta e cinco minutos finais, Yuri foi tentar dominar no peito para fazer o corte e a bola acabou pegando no braço, penalidade máxima. Marinho, inspirado, deslocou Vanderlei e deixou tudo igual.

Parecia que o tento abalaria o Santos, mas instantes depois, Copete, novamente participando da jogada, foi derrubado por Diogo Matheus, pênalti. Na cobrança, Ricardo Oliveira, com extrema tranquilidade, colocou no canto oposto ao que Caíque, e recolocou os donos da casa em vantagem.

O golpe de misericórdia santista veio aos 38 minutos, quando Lucas Lima fez tabela com Victor Ferraz, que foi até a linha de fundo e cruzou. A defesa do Vitória não conseguiu cortar e Copete aproveitou para empurrar a redonda às redes. Nem mesmo o gol anotado por Serginho, ex-Santos, descontando para os baianos, foi suficiente para tirar a vitória santista, 3×2.

Na próxima rodada, o Santos vai até Belo Horizonte, onde medirá forças com a equipe do Cruzeiro, no domingo (20), às 17h (Horário de Brasília), enquanto o Vitória terá pela frente o Figueirense, em duelo dos desesperados, no Barradão, no mesmo dia e horário.