Com calendário em dia, Superliga Feminina ganha nova classificação

Foto: Reprodução CBV

A Superliga Feminina está com a classificação em dia. Após a partida adiantada entre Vôlei Nestlé e Rio do Sul, as outras equipes completaram a rodada neste final de semana. Com isso, a liderança mudou de mãos, com três equipes com 12 pontos, Rexona Sesc, Dentil Praia Clube e Vôlei Nestlé, com vantagem fica pelo critério de desempate, a favor do time carioca.

LEIA MAIS:

ÍDOLO DO VÔLEI NACIONAL CITA MARCELO MENDEZ COMO SUBSTITUTO DE BERNARDINHO
TAUBATÉ VENCE O MINAS E SEGUE 100% NA SUPERLIGA MASCULINA

A liderança está com o Rexona Sesc, seguido de perto pelo Dentil Praia Clube, os dois clubes perderam somente um set no torneio, o que dá a vantagem diante do Vôlei Nestlé que perdeu duas parciais. As três equipes seguem com 100% de aproveitamento no torneio.

Na quarta colocação com apenas uma derrota na Superliga, o Terracap Brasília figura entre os principais times da competição. Na sequência com campanhas praticamente iguais, Camponesa Minas, Fluminense, Rio do Sul e Genter Vôlei Bauru tem duas vitórias e duas derrotas respectivamente.

Após esse bloco embolado, um grupo composto somente por times paulistas, com o Pinheiros, com apenas uma vitória em quatro partidas, na nona posição, seguido de Valinhos, Sesi-SP e São Caetano que ainda não venceram na competição.

A quinta rodada da Superliga Feminina acontece nesta terça-feira, com as partidas entre Genter Vôlei Bauru x Fluminense, São Caetano x Valinhos e Pinheiros x Rexona, jogos às 19h30. Mais tarde, às 20h, entram em quadra Terracap Brasília e Vôlei Nestlé, quinze minutos mais tarde Rio do Sul x Camponesa Minas. No final da rodada, às 21h30, o Sesi-SP recebe o Dentil Praia Clube.