Para Botafogo, jogo contra o Grêmio é “final de campeonato”

O empate por 1 a 1 diante da Ponte Preta na Ilha do Governador manteve o Botafogo no G6. No entanto, o time ainda não conquistou a vaga para Libertadores.

LEIA MAIS:
Maracanã vê jejum do Flamengo e vira “casa” do Vasco

“Não vamos desistir nunca, enquanto houver chance o Botafogo vai buscar. Estamos vivos. Temos uma rodada que depende de nós. É como uma final de campeonato, nessa reta final ninguém quer perder”, declarou o técnico Jair Ventura após a partida na Arena Botafogo. Na última chance para tentar a classificação para Libertadores, o time encara o Grêmio no domingo (4) fora de casa.

Os jogadores também adotam um discurso pés no chão, mas demonstram confiança. “Precisamos levantar a cabeça porque ainda temos um jogo contra o Grêmio lá em Porto Alegre”, acrescentou o zagueiro Emerson. O volante Dudu Cearense também ressaltou que a vaga no G6 só depende do Botafogo – uma vitória simples é suficiente para disputar o torneio sul-americano em 2017.

Palmeiras, Santos, Flamengo e Atlético-MG já estão na Libertadores. O Botafogo está com 56 pontos, empatado com Atlético-PR, mas tem uma vitória a menos. Já o Corinthians (7º) tem 55.

O Botafogo jogou a Libertadores pela última vez em 2014, quando foi eliminado após perder para Unión Española e San Lorenzo. o ano é considerado trágico para o clube, que terminou a temporada rebaixado para a Série B. Além desta vez, o alvinegro participou de mais três edições do torneio sul-americano (1963, 1973 e 1996).