Presidente diz que é possível reduzir os preços da Arena Corinthians; veja o que é preciso para isso acontecer

Corinthians
Foto: Divulgação/Site Oficial Corinthians

Presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, esteve no programa “Bola da Vez”, da ESPN, e disse que só é possível diminuir os preços dos ingressos se houver um equilíbrio nos setores.

LEIA MAIS:
Corinthians rescinde contrato de patrocínio de empresa investigada na Lava Jato

A Arena Corinthians vem, a cada jogo, batendo recordes negativos referentes ao público presente. Desde 2014, ano em que foi inaugurada, os últimos jogos tiveram os números mais baixos de torcedores em Itaquera.

A última partida do estádio, contra o Atlético-MG, teve apenas 17.135 pagantes, uma média de 38% da ocupação total e renda bruta de R$ 760 mil. Como o jogo não foi exibido na TV aberta, a situação é ainda pior.

O preço alto dos ingressos é um dos fatores que muita gente diz ser o principal para o baixo número de torcedores, ainda mais com o desempenho irregular da equipe em campo. Questionado por um internauta, durante o programa, sobre baixar os preços, o presidente disse: “Primeiro que o estádio nosso é dividido por setores, você tem norte, sul, leste e oeste, e a gente não consegue fazer isso em todas as áreas, temos que manter um ticket médio para equalizar as coisas para que se pague os compromissos que a gente tem”.

Por isso, a solução, para os preços mais baixo seria aumentar o público no setor mais caro, para manter o equilíbrio: “De acordo com que vamos conquistando mais gente no lado oeste do estádio, que é onde temos camarotes, cadeiras vips, cadeiras cativas,  a gente vai conseguir fazer isso e vai ser aí, aumenta aqui (oeste) e posso diminuir nos outros setores”, concluiu o presidente.

Em 2016, a média de público da Arena Corinthians, é de 31.111. Na Copa Libertadores, teve uma média de 41.507 torcedores. Considerando só Campeonato Paulista, Copa do Brasil e Brasileiro, a média é de 29.512 pessoas por partida, sendo que nos últimos seis jogos, é de apenas 23.270.