Presidente do Corinthians sobre ligação da Arena com a Lava-Jato: “Se houver, somos vítimas

Corinthians
Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Roberto de Andrade foi o convidado do Bola da Vez, da ESPN, desta terça-feira e dentre tantos assuntos falou sobre o possível envolvimento da Arena Corinthians com a Lava-Jato. O presidente do Timão afirmou que se houver ligação com o processo, o clube é vítima e disse que isso não impede a negociação com os naming rights.

LEIA MAIS
PRESIDENTE DO CORINTHIANS ADMITE CONVERSA, MAS NEGA ACERTO COM OSWALDO
PRESIDENTE DIZ QUE É POSSÍVEL REDUZIR OS PREÇOS DA ARENA; VEJA COMO

Questionado se não tem medo que a Arena Corinthians entre na Lava-Jato, Roberto de Andrade admitiu que não, mas se houver será pego de surpresa, pois não sabe de nada.

“Se isso acontecer (entrar na Lava-Jato), eu não posso afirmar, o Corinthians é vítima. Eu já me me pronunciei mais de uma vez, irei me pronunciar mais uma vez: eu, Roberto de Andrade, como pessoa física, e o Corinthians estamos a disposição as autoridades para qualquer coisa. Me coloco a inteira disposição para resolver aquilo que acham que está errado”, explicou.

O vice-presidente do Corinthians, André Negão, foi preso por porte ilegal de armas em março deste ano e na ocasião ele também era suspeito de receber propina de R$ 500 mil da Odebrecht, empresa responsável pela construção do estádio corintiano. Roberto saiu em defesa do dirigente e reafirmou que caso tenha alguma ligação o clube será “vítima”.

“Prestou depoimento, mas pelo que me consta foi achado o nome dele onde estava um valor. Ele disse que não recebeu nada, a gente tem que acreditar nas pessoas. Ele foi liberado, então não dá para falar que ele está envolvido em alguma coisa até que se prove o contrário. Não só dele como o Corinthians também”, explicou. “Acho muito difícil que isso aconteça (Lava-Jato na Arena), pela visibilidade, por tudo, mas se isso acontecer sou vítima”, concluiu.



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.