Presidente do Santos diz que Mauro Cezar é palmeirense e torcida não perdoa

Palmeiras
Crédito da foto: Reprodução/ESPN.

Durante a exibição do Bate Bola, da ESPN Brasil, nesta quinta-feira (20), um fato engraçado chamou a atenção dos telespectadores. O presidente do Santos, Modesto Roma Júnior, foi convidado a participar do programa para falar sobre o Peixe e a acabou roubando a cena ao dizer que o comentarista Mauro Cezar Pereira é palmeirense.

LEIA MAIS:

MERCADO DA BOLA 2016: DUDU FALA SOBRE POSSIBILIDADE DE SAIR DO PALMEIRAS
VEJA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO PEIXE NESTA QUINTA PÓS-ELIMINAÇÃO
CUCA DEIXA ESCAPAR QUANTOS PONTOS O PALMEIRAS PRECISA PARA VENCER O BRASILEIRÃO

O apresentador do programa do programa, João Carlos Albuquerque, o Canalha, perguntou ao presidente do Santos sobre o motivo de ele ter ido até Porto Alegre para se encontrar com jogadores e comissão técnica do Peixe, logo após a eliminação do clube na Copa do Brasil.

Santista, o canalha, disse ter tido a impressão de que era para “puxar a orelha” dos jogadores do Santos.

Modesto explicou a situação e aproveitou para brincar com Mauro Cezar.

Eu vim porque neste momento precisamos de união. Os jogadores do Santos são experientes e não precisam de um puxão de orelhas. Não estamos aqui para brincar, precisamos retomar o foco no título do Brasileirão. Claro que estou muito triste pela desclassificação na Copa do Brasil, assim como você está e o Mauro também, mas pela desclassificação do Palmeiras“, disse o mandatário do Peixe.

A fala pegou o repórter Felipe Camargo de surpresa, já que Mauro Cezar assumiu recentemente ser torcedor do Flamengo.

O Mauro? Que Mauro o senhor está falando?“, perguntou.

O Mauro que está lá no estúdio. Ele é palmeirense. Você não sabia?” respondeu, rindo, Modesto.

Pouco depois, Mauro Cezar teve a chance de fazer uma pergunta ao presidente santista e se apresentou: “Presidente, aqui é o Mauro, que segundo o senhor, é palmeirense…“, disse o jornalista, sorrindo.

Recentemente, Mauro Cezar entrou em conflito com a torcida do Palmeiras ao ser acusado de “torcer” para o Flamengo, rival do Verdão na luta pelo título do Brasileirão, enquanto faz suas análises esportivas.

Repercussão nas redes sociais

Logo após a conversa, os torcedores comentaram sobre a brincadeira de Modesto Roma Júnior no “Bate Bola”.