Leco vive dilema com escolha de treinador do São Paulo em 2017

São Paulo
Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

A temporada 2016 do São Paulo ainda não começou e o time começa a pensar já em 2017. O presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, ainda não se decidiu sobre quem será o técnico tricolor na próxima temporada com o atual comandante (Ricardo Gomes) na briga pela vaga com um ídolo da torcida (Rogério Ceni).

LEIA MAIS

SÃO-PAULINOS “ENGANAM” IMPRENSA PORTUGUESA, QUE CONFUNDE MICHEL BASTOS COM DAVID NERES

MERCADO DA BOLA: VEJA UM RESUMO DE COMO SEU TIME ESTÁ SE PREPARANDO PARA 2017

De acordo com o Globoesporte.com, a intenção da diretoria são-paulina é de que Ricardo seja o treinador do time em 2017, mesmo a pressão interna para que o técnico fosse demitido. Parte das críticas ao comandante foram amenizadas com a vitória de virada em cima do Fluminense na última segunda-feira (17), pelo Campeonato Brasileiro.

O fato do treinador já estar ajudando no planejamento do time pode o beneficiar para se manter no cargo, mas a ‘sombra’ do ex-goleiro paira sob o banco de reservas do Morumbi. Ceni está estudando para ser treinador, fazendo cursos na Europa e até assistiu a atividades da base no CT de Cotia.

Rogério, no entanto, não é considerado pelo presidente como nome para assumir de forma imediata o comando do São Paulo já em 2017, apesar de seu nome não ser inteiramente descartado. O desejo de Leco é que o eterno capitão seja alçado de forma natural ao cargo e o ídolo tricolor também se manifestou contra a ideia de assumir o lugar do atual comandante.

A permanência do São Paulo na Série A em 2017, caso se confirme, deve influir na decisão do dirigente máximo do time em manter ou mudar o comando técnico do Tricolor e as próximas rodadas podem ser cruciais para a permanência de Ricardo Gomes ou a chegada de um substituto.

(Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)