Basquete: Ala do Flamengo destaca importância de conquistar título estadual

Foto: Divulgação

Com seis vitórias em sete jogos disputados, até então, no Campeonato Carioca, o Flamengo precisa de mais um triunfo, nesta quarta, para avançar à final do torneio estadual.

LEIA MAIS:
Pelé no Sport? Quase! Veja essa e outras curiosidades sobre o futebol nordestino
Conheça o Llanfairpwllgwyngyll F.C., o clube de futebol com o nome mais longo do mundo
CONFIRA COMO FICARAM OS GRUPOS DA COPA DO NORDESTE 2017
Você Sabia? Novo prefeito de São Paulo, João Dória é santista fanático
Eleições 2016: Saiba como foi o desempenho de ex-jogadores e jornalistas esportivos nas urnas

Ala flamenguista e principal jogador do time nas últimas conquistas de NBB, Marquinhos falou sobre a importância da competição estadual para o clube e garantiu que o objetivo é conquistar mais um troféu do torneio.

“O Flamengo sempre entra para vencer, independente de quem a gente vá enfrentar. Somos uma equipe em formação e queremos sempre vencer, estamos dando o máximo para isso. Estamos treinando forte e jogando forte e é visível que em alguns jogos a gente sinta um pouco mais, mas acreditamos que treinando duro, independente se temos times de tradição, temos que vencer e vêm pela frente grandes objetivos, como o NBB e Liga das Américas”, afirmou, em entrevista ao blog Garrafão Rubro-negro, do portal GloboEsporte.com.

No Camepeonato Carioca, o Flamengo tem utilizado diversos jovens jogadores, que chegaram ao clube na pré-temporada e estão em fase de adaptação e entrosamento com os demais atletas, visando o NBB. Marquinhos também destacou a importância da competição estadual para deixar o time “a todo vapor” para as principais competições da temporada.

“O clube está investindo muito nessa garotada, que é muito boa. Ainda temos mais dois jogadores talentosíssimos que estão machucados, que é o caso do Humberto e do Pedrinho Rava, que com certeza vão agregar muito ao nosso time. É a hora deles aproveitarem mesmo essa chance, um campeonato que eles tem certa rodagem, pegam uma bagagem e criam uma experiência para o que vem pela frente, como o NBB, uma Liga das Américas. É bom para eles chegarem e na hora que precisar saber o que fazer e já estar enturmado com os outros jogadores”, acrescentou o camisa 11 e ídolo rubro-negro.

Com 1×0 na série de semifinal contra o Botafogo, o Flamengo encara o rival alvinegro nesta quarta-feira, precisando de mais uma vitória para definir sua vaga na decisão.



Baiano, 22 anos, jornalista em formação pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol, este último com maior fervor. Contato: victorw10@outlook.com