Botafogo vence Santa Cruz no Arruda e se fixa de vez no G-6

Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press

Em um estádio do Arruda com o público baixo, o Botafogo se aproveitou de um vacilo da zaga coral para vencer o Santa Cruz pelo placar: 1 a 0, com gol de Rodrigo Pimpão. Com o resultado, o Fogão ficou na quinta colocação, com 53 pontos. O Santa, por outro lado, vê a Série B cada vez mais próxima. É o vice-lanterna, com 23 pontos, a 13 de distância do atual 16º colocado, o Internacional.

Santa Cruz x Botafogo: assista aos melhores momentos da partida

O Tricolor volta a entrar em campo às 18h30 do dia 29, um sábado, contra o Internacional, no Beira-Rio. E o Botafogo joga no mesmo dia e horário contra o Coritiba, no Estádio Luso-Brasileiro.

O primeiro tempo foi de bastante vontade e correria de ambos os times. O Santa Cruz por jogar em casa, tomou a iniciativa da partida e foi pra cima, teve mais volume e mais presença no campo de ataque do adversário. Mesmo com uma leva superioridade, faltou a efetividade na hora da conclusão das jogadas. Sidão não fez uma se quer. A melhor ocorreu logo aos cinco minutos. Keno chegou o fundo pela esquerda e cruzou para Bruno Moraes, que por pouco não alcançou a bola.

Em relação ao Botafogo, o time carioca se precaveu na defesa, esperando pela chance de contra atacar o Tricolor. A Estrela Solitária acertou mais a bola na direção, mas nada que dificultasse as intervenções de Tiago Cardoso. A melhor chance do Bota veio quando Neilton recebeu na meia lua e chutou para boa defesa do arqueiro coral. O time botafoguense chegou a reclamar pênalti, quando Bruno Silva caiu dentro da área após choque com João Paulo, mas juiz não marcou.

Na volta para o segundo tempo, Botafogo voltou melhor e mais perto de tirar o zero do placar. Dudu Cearense e Emerson Santos tiveram as chances de cabeça antes de dez minutos. Tiago Cardoso apareceu bem na cabeçada de Dudu Cearense.

O Santa Cruz tentou responder na base da bola parada. João Paulo por duas vezes ficou no quase. Na primeira Sidão defendeu, na segunda, a bola acertou a trave. Aos 42 minutos. Léo Moura e Tiago Cardoso não se entenderam, o goleiro errou no tempo de bola e deixou Rodrigo Pimpão cabecear para o gol.

FICHA DO JOGO:
 
SANTA CRUZ: Tiago Cardoso; Léo Moura, Luan Peres, Danny Morais e Roberto; Uillian Correia (Mazinho), Derley (Jadson) e João Paulo, Marion (Arthur) e Keno; Bruno Moraes
Técnico: Doriva

BOTAFOGO: Sidão; Alemão, Carli, Emerson Santos e Victor Luís (Núñez); Bruno Silva, Rodrigo Lindoso, Dudu Cearense (Sassá) e Camilo; Neilton (Leandrinho) e Pimpão
Técnico: Jair Ventura

Estádio: Arruda (Recife-PE)
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Neuza Inês Back (Fifa-SC) e Alex dos Santos (SC)
Gol: Pimpão (42’ do 2T, Botafogo)
Cartões amarelos: Carli e Emerson Santos (Botafogo)
Público: 3.480
Renda: R$ 24.460,00