Santos x Santa Cruz: saiba tudo sobre a partida no Pacaembu

santos x santa cruz

Santos x Santa Cruz se enfrentam pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016 no Pacaembu. O torcedores.com reuniu tudo o que você precisa saber sobre a partida.

Leia mais:

5 MOTIVOS PARA IR AO PACAEMBU ASSISTIR A SANTOS X SANTA CRUZ

SANTOS LEVARÁ FAIXA EM HOMENAGEM À CAMPANHA AO PACAEMBU

O jogo que teve o local alterado no início deste mês, Santos x Santa Cruz era o duelo que a diretoria do Peixe cogitou, recentemente, transferir para o Allianz Parque, gerenciado pela WTorre e usado pelo Palmeiras. Durante esta semana, no entanto, o desejo passou a ser o Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, Pacaembu.

Os números do Santos no Pacaembu são de favoritismo, são 13 jogos sem perder em sua segunda casa, a última derrota foi para o Ituano em 2014 em que o técnico do time adversário era ninguém mais, ninguém menos que Dorival Júnior.

santos x santa cruz pacaembu
Reprodução/Instagram

O Santa vem embalado pela vitória da vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-PR e busca a sequência histórica de duas vitórias consecutivas na competição, já o Peixe depois de vencer o Botafogo e o Corinthians busca a terceira vitória consecutiva.

Prováveis escalações:

A provável escalação do Santos para enfrentar o Santa Cruz é a seguinte: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe (David Braz), Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Ricardo OliveiraPendurados: Renato, Jean Mota, Vitor Bueno, Yuri e Paulinho

Já a provável escalação do Santa Cruz é: Tiago Cardoso, Léo Moura, Neris, Danny Morais e Tiago Costa; Bolaño, João Paulo, Fernando Gabriel, Lelê e Arthur; Bruno Moraes. Pendurados: Danilo Pires, Danny Morais, Mário Sérgio, Tiago Cardoso, Wallyson, Wellington Cézar e Léo Moura

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento – AL
Auxiliares: Pedro Jorge Santos de Araujo e Rondinelle dos Santos Tavares – AL
Onde ver: Premiere e tempo real do Torcedores.com



Formada em jornalismo pelo Mackenzie, demorei anos para perceber que dá, sim, para ir atrás dos sonhos e trabalhar com o que se gosta: o esporte. Hoje me divido entre o esporte e a política. Nunca vou me conformar com os que dizem: "É só futebol.."