Medalha de ouro na natação desabafa: “Queria ver mais meninas negras aqui”

Simone Manuel
Foto: Getty Images

Simone Manuel é um nome que ficará para sempre marcado na história da natação nas Olimpíadas pela medalha de ouro conquistada nos 100m livres de natação, na última sexta-feira (12), e também no x100m medley, neste sábado (23). Aos 20 anos de idade, ela é a primeira negra a conseguir tal feito.

LEIA MAIS:
VEJA PAIS E FILHOS QUE CHEGARAM A TRABALHAR JUNTOS NO ESPORTE
VÍDEO: APÓS SER CAMPEÃO, MARCELO EMOCIONA TORCEDOR MIRIM
ROBERTO DINAMITE RELEMBRA TERRORISMO EM OLIMPÍADAS: “EU ESTAVA ALI”
CICLISTAS BRITÂNICOS SE PERDEM NO RIO DE JANEIRO A CAMINHO DE TREINO
HOPE SOLO IGNORA SOBRE NOVAS VAIAS RECEBIDAS: “NÃO ME IMPORTO COM ISSO”

Nadadora pelos Estados Unidos, Manuel falou após conquistar sua segunda medalha de ouro sobre a importância de que outros afrodescendentes ganhem espaço nos esportes de alto rendimento.

“Eu acho que obtivemos um feito, mas adoraria ver mais. Eu adoraria ver mais de nós no esporte. Os feitos que eu consegui aqui mostram que se eu posso, outros também podem. Isso é muito empolgante, mas queria ver mais meninas negras aqui. Ter ganho a milésima é incrível, e dividir isso com aquelas três meninas incríveis é melhor ainda. Sou definitivamente inspirada por outros atletas da nossa história para ter a mesma abordagem deles na natação”, disse Simone em entrevista coletiva.

Crédito da Foto: