Segundo jornal, técnico do Uruguai sofre com doença rara

Crédito da foto: Reprodução/Instagram da Seleção Uruguaia

O técnico da seleção do Uruguai, Óscar Tabárez, passa por um drama pessoal. Segundo o site Ovación Digital, do jornal El País, o treinador sofre com uma doença rara, a síndrome de Guillain-Barré. A doença interfere em seu trabalho e poderia até causar sua saída da Celeste.

LEIA MAIS

“Especialista”? Veja todos os gols contra de David Luiz

Artilheiros de um gol? Veja jogadores que sumiram após gol heroico

De acordo com o Uol Esporte, a imprensa uruguaia informa que Tabárez vem se consultando com um grupo de médicos, mas que o treinador evita comentar sobre a doença, que afeta o sistema nervoso e pode causar paralisia, fraqueza muscular e dores.

No entanto, existiria a preocupação da cúpula de Federação Uruguaia (AUF) com o estado de saúde do treinador, que teve a ajuda de bengalas e até de carrinho motorizado durante a disputa da Copa América Centenário, em junho. Um possível agravamento do quadro clínico do técnico poderia até causar sua saída;

“O estado da minha saúde pertence a minha privacidade. Estou aqui trabalhando e falando com vocês. Que vocês não comecem a criar nenhuma história grande, é isso que eu desejaria”, declarou Tabárez em uma entrevista feita em maio.

O Uruguai voltará a campo em setembro, quando enfrentará Argentina e Paraguai pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018.

(Crédito da foto: Reprodução/Instagram da Seleção Uruguaia)