Rússia pode ficar fora dos Jogos Olímpicos do Rio; entenda

Crédito da foto: Divulgação/Site oficial Rio 2016

Nesta segunda-feira (18), a Agência Mundial Antidoping (WADA) encaminhou um relatório ao Comitê Olímpico Internacional (COI), com evidências de a Rússia fraudou os exames antidoping realizados nos atletas durante os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi. O esquema tinha, inclusive, o consentimento do governo e do Ministério do Esporte.

LEIA MAIS
RELEMBRE A ESCOLHA DO RIO DE JANEIRO COMO SEDE DOS JOGOS DE 2016

O envio do documento pressiona ainda mais o COI, que já havia recebido solicitações dos Estados Unidos e do Canadá, exigindo a exclusão do país da Rio 2016. Apesar disso, a organização prometeu tomar as medidas necessárias. “As conclusões do relatório mostram um ataque chocante e sem precedentes sobre a integridade do desporto e sobre os Jogos Olímpicos. Portanto, o COI não hesitará em tomar as mais duras sanções disponíveis contra qualquer indivíduo ou organização implicada” escreveu o presidente do comitê, Thomas Bach, em nota oficial.

Vale lembrar que a Rússia já foi proibida pela Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) de disputar essa modalidade nos Jogos Olímpicos.

 



Jornalista por formação, atualmente cursando pós-graduação em Jornalismo Esportivo e Multimídias. Amante dos esportes e apaixonada por futebol inglês. Foi assessora de imprensa por três anos.