Que fase! Seleção da Bélgica divulga anúncio procurando novo treinador

Crédito da foto: Divulgação / Twitter oficial Belgian Red Devils

Não está fácil para ninguém, nem para a seleção da Bélgica. Após a Eurocopa de 2016, os Red Devils demitiram Marc Wilmots, mas não esperavam tanta dificuldade para encontrar um substituto. O jeito foi apelar para os tradicionais “classificados”.

LEIA MAIS
5 COISAS SOBRE OS 16 TÉCNICOS FINALISTAS DA EUROCOPA
EURO 2016: BÉLGICA VENCE SUÉCIA NO FINAL DA PARTIDA

A Federação Belga já tinha procurado o técnico do Gent, Hein Vanhaezebrouck, que recusou a oferta do cargo. Louis van Gaal foi cogitado, mas os serviços do ex-treinador do Manchester United são “muito caros”. Com falta de opções, a entidade publicou um anúncio em seu site oficial, descrevendo o perfil da vaga.

“Experiência e resultados, no atual cenário do futebol mundial, que conta com mudanças rápidas” e “comprovada experiência em transmitir conhecimento tático e técnico a jogadores de nível mundial” são duas das exigências.

Além disso, o candidato a vaga deve “provar estar apto a trabalhar com experts em futebol moderno, de alto nível”, “ser um comunicador forte e aberto”, saber como “gerenciar diferentes gerações”, e ter certeza que conseguirá “operar em uma estrutura e organização já existentes, trabalhar com a gestão da equipe, instalações de treinamento e quadros financeiros, comerciais e de comunicação”.

Se você se interessou pela vaga, ou tem alguma indicação de técnico para fazer, é melhor se apressar: a Federação da Bélgica diz que o anúncio vale até dia 31 de julho. Os candidatos devem se candidatar, por e-mail, com Chris Van Puyvelde, responsável pela cadeira esportiva no Conselho da Federação.

Será que Papai Joel encara esse desafio?

Crédito da foto: Reprodução / Site Oficial da Federação da Bélgica
Crédito da foto: Reprodução / Site Oficial da Federação da Bélgica


Mídias Sociais da AS Roma Brasil, MBA em Gestão Estratégica de Negócios, blogueiro desde 2007 e radialista amador. Escreve sobre futebol italiano, automobilismo e o que aparecer, mas gosta mesmo é de contar boas histórias