Presidente do Flamengo analisa volta ao Maracanã

Crédito da foto: Gilvan de Souza / Flamengo

O fechamento do Maracanã para disputa das Olimpíadas obrigou o Flamengo a mandar jogos fora do Rio. O presidente do Fla declarou que atualmente negocia para administrar o estádio mais famoso do mundo.

LEIA MAIS:
Felipe Melo brinca e diz ter medo de voltar ao Flamengo para ser banco do Marcio Araújo
Saiba quem ganhou o primeiro título no Maracanã

“O Maracanã sempre foi a nossa casa e agora está passando por uma transição pela saída do Consórcio, não se sabe se o poder ficará nas mãos da Prefeitura. O Flamengo se habilita a ser o concessionário porque temos totais condições de fazer o estádio um negócio rentável. Esta é a nossa prioridade. Se nos for negada esta possibilidade vamos partir para um estádio próprio, construído com ajuda de parceiros, mas não há absolutamente nada definido quanto a isso”, declarou o presidente Eduardo Bandeira de Mello durante participação no programa “Boa Noite Fox”, nesta segunda (18).

O Flamengo volta a campo na segunda (25), quando encara o América-MG no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica, no Espírito Santo. O jogo é válido pela 16ª rodada do Brasileirão. O deslocamento intenso pela quantidade de viagens é um dos problemas enfrentados pelo clube nesta temporada. O rubro-negro também atuou como mandante em locais como Arena Amazônia, em Manaus, Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

(Crédito da foto: Gilvan de Souza / Flamengo)